Opinião

Carta aberta aos pré-candidatos à prefeitura e à Câmara de Vereadores

O Brasil tem passado por uma das mais sérias crises de Segurança Pública de sua história. E antes que vocês assumam a postura covarde de se esconder atrás da letra constitucional, tagarelando que isso é de competência estadual, além de outras porcarias do gênero, eu gostaria de propor uma série de medidas que se encontram ao alcance de sua caneta!

Publicados

André Naves é Defensor Público Federal.

Caros amigos, gostaria primeiramente de frisar que sou um cidadão, um munícipe! Peço, por favor, que leiam até o fim e demonstrem merecer o respeito daqueles que renovam, a cada quatro anos, a esperança na solução de problemas que insistem em atazanar a nossa vida cotidiana.

O Brasil tem passado por uma das mais sérias crises de Segurança Pública de sua história. E antes que vocês assumam a postura covarde de se esconder atrás da letra constitucional, tagarelando que isso é de competência estadual, além de outras porcarias do gênero, eu gostaria de propor uma série de medidas que se encontram ao alcance de sua caneta!

A melhor ação municipal que pode ser tomada para transformar a Segurança Pública é tirar a Política Inclusiva do papel! Sabem das calçadas esburacadas, cheias de mato e lixo? Quando ações de zeladoria municipal cuidam das calçadas, tornando-as acessíveis a TODOS, a cidadania volta a circular. Nem é preciso falar que a pior criminalidade se esconde nas calçadas mais movimentadas. Ao mesmo tempo, com o reparo e manutenção adequados, há melhorias no setor comercial, ampliando os postos de trabalho disponíveis, além de valorização imobiliária. Viu como é bom? Vocês vão até ganhar em arrecadação se cuidarem melhor da cidade!

Leia Também:  Como o excesso do tempo de telas prejudica crianças e adolescentes

Junto com a melhoria das calçadas, eu proponho, pelos mesmos motivos, uma iluminação mais forte e qualificada das nossas ruas e praças. A iluminação pública é fundamental para afastar a insegurança pública. Eu sei que vocês sabem, mas só quero deixar claro que basta um trabalho adequado de zeladoria para que as calçadas, ruas e praças fiquem mais convidativas e acessíveis a todos. Resumindo: a beleza é inclusiva! Cidade bonita é mais segura!

Vocês precisam também, urgentemente, melhorar o projeto urbanístico do município. É que, a depender das opções tomadas, as calçadas serão ‘desertos’ ainda mais inseguros. Imaginem um espigão de concreto sem nenhuma árvore, luz ou opção de comércio nas redondezas?

Vocês lembram daquela música dos Titãs: “a gente não quer só comida, a gente quer comida, diversão e arte…”? Pois bem, invistam também em opções artístico-culturais pela cidade. Eu imagino que vocês, que pensam em se candidatar, devam saber, mas vale a pena repetir: Cultura e Arte são fundamentais para melhorar a autoestima, individual e coletiva, gerando um sentido de pertencimento a todos. A Cultura fortalece os laços que cada pessoa possui com sua comunidade; e também estimula a Educação, uma das principais ferramentas, ao lado do trabalho, de Inclusão Social!

Leia Também:  O maior poder da República

E nunca se esqueçam da necessidade da Proteção Social! Criar e fomentar políticas que cuidem das pessoas, suprindo suas necessidades mais básicas, são o principal alicerce da Segurança Pública.

Segurança alimentar, programas de assistência social, aumento e melhoria de albergues… enfim, o caminho é longo. No entanto, se o desafio é enorme, maior ainda deve ser o desejo de vocês, que tão bravamente escolheram abraçar uma pré-candidatura, de revolucionarem os planos municipais.

E é sempre boa a lembrança de que em caso de sucesso vocês ganharão a imortalidade, figurando no panteão dos heróis da Brava Gente Brasileira!

André Naves é Defensor Público Federal

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ARTIGO

Caminhos diversos

Jesus Cristo não veio à terra para pregar o verbo platinado e estéril. O trabalho útil é atividade constante e a disciplina aprimora a vontade e o pensamento para a internalização da bondade.

Publicados

em

Paulo Hayashi Jr. é Doutor em Administração. Professor e pesquisador da Unicamp.

Os estudantes da Boa Nova mostram atitudes diversas para as revelações do Cristo. Alguns preferem a lentidão dos debates improdutivos como maneira de consolidar o conhecimento. Outros, como legítimos inquiridores, esperam pela melhoria do comportamento alheio para seguir os passos necessários. Alguns buscam o sectarismo que separa e distorce as maneiras de levantar a fé honesta. Já outros, preferem esperar pelas manifestações fenomênicas para dar a largada dos esforços sem fim. Há muitas atitudes diversas. Todavia, nem todas apropriadas para o discípulo fiel e atento.

Para quem é de Cristo, seguir o exemplo sem demora é conquista da própria fé, sem esperar manifestações externas, tampouco internas. O momento é agora e cada oportunidade é chance para a movimentação dos preciosos recursos para a execução da caridade no mundo.

Jesus Cristo não veio à terra para pregar o verbo platinado e estéril. O trabalho útil é atividade constante e a disciplina aprimora a vontade e o pensamento para a internalização da bondade. Assim, quem busca qualquer sinal do céu engana-se com as recomendações sagradas. Não há nenhum privilégio ou sinal externo, mas a consagração no bem e no alinhamento com Deus de modo natural. O ar que passa pelos pulmões ou os ventos que assobiam na floresta não necessita do estardalhaço do cotidiano para se fazer presente. Flui como a bondade natural daqueles que sabem da sua tarefa e missão. Amar, perdoar, trabalhar para o bem e a educação espiritual do ser. Eis os caminhos que levam à grandeza de Jesus Cristo através do acúmulo das boas obras de redenção.

Leia Também:  O maior poder da República

Paulo Hayashi Jr. é doutor em Administração. Professor e pesquisador da Unicamp.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA