Plantão Policial

Em Corumbá de Goiás, homem mata esposa grávida, enteada, fazendeiro e atira em vizinha

O suspeito identificado como Wanderson Mota Protacio, roubou o carro da família e fugiu para Alexânia. A polícia realiza buscas pela região.

Publicados

Um homem de 21 anos matou a esposa grávida, também de 21 anos, a enteada, de 1 ano e 10 meses, e o vizinho, um fazendeiro de 73 anos, em Corumbá de Goiás, na noite deste último domingo (28).

O suspeito ainda tentou matar a esposa do vizinho, que foi alvejada no ombro, se fingiu de morta e sobreviveu. Identificado como Wanderson Mota Protacio, o suspeito fugiu para a região de Alexânia, onde estão concentradas as buscas em conjunto da Polícia Civil (PC) e da Polícia Militar (PM).

 

Homicídio em Corumbá
Conforme o delegado da PC de Corumbá, Tibério Martins Cardoso, Wanderson teria matado a esposa e a enteada a facadas, em seguida ido até a casa do vizinho para roubar sua arma. O suspeito conseguiu a arma, matou o fazendeiro com um tiro na cabeça e atirou contra sua mulher. Em seguida, Wanderson roubou o carro da família e fugiu para Alexânia, onde procurou por familiares na manhã desta segunda-feira (29).

“Foram dois homicídios, um deles com aborto, e um latrocínio, porque matou o vizinho e roubou o carro. Isso foi ontem à noite e ele fugiu em direção a Alexânia”, contou Tibério, que ainda investiga a motivação dos crimes. A Polícia Civil informou que aproximadamente 30 policiais estão envolvidos nas buscas.

Leia Também:  Fugitivo de chacina no DF fez reféns e trocou tiros com a PM, Lazaro está foragido a 8 dias; Vídeos

 

Buscas pelo suspeito

Ao delegado, os familiares confirmaram que Wanderson esteve em Alexânia na manhã desta segunda-feira (29) pedindo apoio. Ele teria dito que havia se separado da mulher. Pouco tempo depois, os parentes descobriram pela internet o que havia ocorrido. Eles estão em contato com a polícia e prestarão depoimento.

 

Fuga de Wanderson para Adadiânia
A polícia recebeu informações de que ele teria fugido para Abadiânia e, por isso, concentram as buscas na região entre esses dois municípios.

 

Outro crime de Wanderson em 2019
Wanderson já foi condenado por esfaquear uma mulher em 2019, em Goianápolis. Ele cumpriu pena de dois anos e foi solto em março deste ano.

 

Delegado Tibério traça comparação com Lázaro Barbosa
Em junho deste ano, o caso de Lázado Barbosa aterrorizou o Brasil durante 20 dias de buscas na região de Cocalzinho de Goiás. Ao relembrar o caso, o delegado Tibério diz que existem semelhanças e diferenças. “É um cara que é perigoso, tipo o Lázaro, ele já tem antecedentes. Ele tem tentativa de homicídio contra outra mulher, em Goianápolis, já cumpriu pena por isso”, disse.

Leia Também:  Calamidade: Goiás tem 67 novos registros em 24h e passa a ter 573 casos de Covid-19

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceresClique aqui

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

Em Jaraguá, homem é preso em flagrante por tráfico de drogas

Publicados

em

Um homem de 29 anos foi preso neste sábado (15) no Setor Ana Edith, em Jaraguá no Vale do São Patrício, ser suspeito de tráfico de drogas. A sua prisão aconteceu no exato momento em que ele iria vender uma porção de crack a um usuário de drogas.

A Polícia Militar (PM) através dos policiais da Companha de Policiamento Especializado (CPE), estavam monitorando a residência e quando realizavam patrulhamento pelo local se depararam com um usuário de drogas que ao ser abordado afirmou que estava ali para comprar drogas. Imediatamente foi realizado o adentramento tático, sendo encontrado o morador e principal suspeito da mercancia de entorpecentes. Durante buscas domiciliar, os militares encontraram uma quantidade considerável de crack e maconha, além balança de precisão, papel insulfilm para embalo das drogas, canivete – usado para fracionar as drogas, e um pouco mais de R$ 1.000,00 em notas de diversos valores, possivelmente oriundo do tráfico.

O suspeito recebeu voz de prisão por tráfico de drogas e foi levado para a Delegacia de Polícia Civil local, juntamente com as drogas, demais materiais ilícitos encontrados na residência, e o usuário de drogas.

Leia Também:  Em Goiás, mulher é presa com drogas, pedras preciosas e mais de R$ 470 mil

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA