GDF reduz idade de vacinação contra covid-19 de 55 para 53 anos

Publicados


O governo do Distrito Federal (GDF) decidiu hoje (11) ampliar o agendamento para vacinação contra covid-19 para pessoas a partir de 53 anos, sem comorbidades. Antes, a previsão é de que o serviço estivesse disponível a partir desta sexta-feira somente para pessoas a partir dos 55 anos.

O agendamento pode ser feito a partir das 14h no site da Secretaria de Saúde do DF. A vacinação para as pessoas a partir de 53 anos, sem comorbidades, começa na segunda-feira (14). A expectativa é que 114 mil doses sejam aplicadas nesse grupo. Para grupos prioritários, a previsão é aplicar 176.056 doses entre 14 e 18 de junho.

Além da vacinação por idade, no DF estão sendo vacinados os rodoviários, profissionais da educação, profissionais da segurança pública, aeroportuários, as gestantes e puérperas e pessoas com deficiência.

De acordo com a Secretaria de Saúde, para maior segurança no agendamento, é importante que, ao final do processo, o cidadão imprima a ficha de agendamento, que deverá ser entregue no local da vacinação, e apresente documentos de identificação.

Leia Também:  Brasil tem 1.240 mortes por covid-19 em 24 horas

Não é necessário agendar a segunda dose. O usuário pode comparecer ao ponto de vacinação na data prevista no cartão de vacinação, levando esse documento e outro de identificação com foto.

Edição: Nádia Franco

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

SAÚDE

Anvisa autoriza estudo sobre dose de reforço da Pfizer

Publicados

em


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta sexta-feira (18) o estudo clínico para testar uma possível dose de reforço da vacina Cominaryt, da Pfizer. 

Será um estudo clínico para que o laboratório possa avaliar a segurança, a capacidade de dar uma resposta imune e a eficácia de várias estratégias de reforço da vacina em diferentes populações de participantes, como por exemplo, grupos etários, que receberam previamente 2 doses da vacina no estudo inicial.

O estudo pretende recrutar 443 participantes no centro clínico do Hospital Santo Antônio da Associação Obras Sociais Irmã Dulce, em Salvador (BA) e 442 participantes no CEPIC – Centro Paulista de Investigação Clínica e Serviços Médicos, em São Paulo (SP).

Serão incluídos participantes a partir dos 16 anos de idade que tomaram as duas doses da vacina da Pfizer (BNT162b2) há pelo menos 6 meses, no estudo inicial do imunizante.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Ciência revela seis exercícios para não engordar apesar dos genes
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA