Plantão Policial

Grupo suspeito de sonegação é alvo de ação da PC; Prejuízo aos cofres públicos seria de R$ 100 mi; Vídeo

Equipes cumprem 20 mandados de busca e apreensão e 12 de prisão temporária

Publicados

A Polícia Civil (PC), através da Delegacia de Repressão a Crimes Contra Ordem Tributária (DOT) com o apoio da Secretaria de Economia, desencadeou uma operação em relação à um grupo suspeito de sonegação fiscal e diversas falsificações, nesta terça-feira (23), em Goiás. As investigações apontam que os crimes causaram prejuízo aos cofres públicos do Estado em mais de R$ 100 milhões. Na operação são cumpridos 20 mandados de busca e apreensão e 12 de prisão temporária.

Os investigados, entre eles empresários e contadores, são suspeitos de usar esquemas de fachada (laranjas) que serviram para aplicar os golpes do Estado. Essa é a maior operação já feita pela DOT.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em Jaraguá, PC realiza prisão de duas pessoas por tentativa de homicídio
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

PC realiza prisão de mulher suspeita de aplicar “Boa noite, Cinderela” em idoso com necessidades especiais

Conforme as investigações, caso aconteceu no dia 16 de fevereiro deste ano

Publicados

em

A Polícia Civil (PC) realizou a prisão de uma mulher de 50 anos suspeita de usar o golpe “Boa noite, Cinderela” para roubar um idoso de 61 anos com necessidades especiais. O crime aconteceu no dia 16 de fevereiro deste ano, no setor Conjunto Primavera, em Goiânia e ela foi presa nesta segunda-feira (1º).

A mulher foi detida pela PC em Cristianópolis e com a mesma os policiais encontraram a motocicleta, aparelho celular, capacete e mochila, todos roubados do idoso. Também foi apreendido o remédio psicotrópico usado para dopar a vítima.  Os objetos serão restituídos para à vítima.

A imagem da investigada está sendo divulgada pela PC, em conformidade com a Lei 13.869/2019 e Portaria 02/2020, para auxiliar na identificação de novas vítimas.

Modos operandi

As investigações mostram que a suspeita atraía as vítimas em sites de relacionamento e, mediante a utilização de um expediente conhecido como “Boa noite, Cinderela”, dopava as vítimas e roubava todos os bens que haviam nas residências, em especial veículos automotores, segundo a PC.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Trio suspeito de roubar taxista é preso pela PM
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA