Lightyear anuncia carro movido a energia solar com maior eficiência do mundo

Publicados


source


Lightyear One servirá de base de estudos para a produção em massa do seu primeiro carro elétrico
Divulgação

Lightyear One servirá de base de estudos para a produção em massa do seu primeiro carro elétrico

A holandesa Lightyear fez o pedido à finlandesa Valmet Automotive no último dia 19 para a fabricação de seu primeiro carro elétrico com maior eficiência energética do mundo cuja previsão para produção em massa acontecerá só a partir de 2024.

Segundo o site Autoevolution , o Lightyear One foi desenvolvido para demonstrar a tecnologia que a empresa defende, mas que não será este o carro que ela fabricará em massa.

No caso do One, a empresa fará apenas 946 exemplares , números específicos expressados em alusão aos ano-luz equivalente a 9,46 trilhões de quilômetros.

Pessoal da Lightyear quer rodar 9,46 bilhões de quilômetros com energia solar ate 2035
Divulgação

Pessoal da Lightyear quer rodar 9,46 bilhões de quilômetros com energia solar ate 2035

Seja qual for a explicação, o fato é que a Valmet Automotive começará a fabricá-los a partir de janeiro de 2022 os primeiros veículos já homologados e prontos para serem enviados aos compradores até 2024, lembrando que antes a empresa fará de 10 a 20 protótipos para o processo de homologação.

Leia Também:  Confira 5 dicas para prolongar a vida útil dos pneus do carro
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CARROS E MOTOS

Assento Ultra Massage Relaxmedic promete tornar a condução relaxante

Publicados

em


source

O assento Ultra Massage da Relaxmedic é alimentado em tomada de 12v ou doméstica (110-220v)
Divulgação

O assento Ultra Massage da Relaxmedic é alimentado em tomada de 12v ou doméstica (110-220v)

A viagem já está programada e você precisa se preparar porque o trajeto é longo. Água, alimentos leves é de praxe, mas a condição física também conta por causa das tensões musculares. Com o assento Ultra Massage da Relaxmedic , qualquer fadiga pode ser página virada.

O acessório é importado da China e distribuído pela Relaxmedic e traz a grande vantagem de poder trabalhar costas, região lombar, ombros e pernas graças aos seis motores e oito programas de massagem, operados pelo controle remoto que o acompanha.

Bastante intuitivo, o aparelho é muito simples de usar. Basta instalar no banco do carro através de cintas elásticas, plugar o adaptador na tomada 12V do veículo e ajustar entre os oito modos de massagens que mais lhe agradar.

Leia Também:  Minicarregadeiras da New Holland fazem ponta em live de sertanejos

O ponto positivo é que, de fato, ele alivia aquela tensão acumulada, graças aos diferentes ajustes que contribuem, para uma melhor circulação . Outro destaque é que o aparelho não consome muita energia, ou seja, pode deixar ligado por horas sem aquela preocupação de que ele vai descarregar a bateria do veículo.

Bastante versátil, o Ultra Massage também vem com uma fonte de alimentação extra bivolt que pode ser usada no sofá, poltrona ou cadeira de escritório e função “Heat” (aquecimento), ideal para cidades e regiões mais frias.

Você viu?

O assento Ultra Massage Relaxmedic também pode ser usado na cadeira do escritório ou no sofá de casa.
Divulgação

O assento Ultra Massage Relaxmedic também pode ser usado na cadeira do escritório ou no sofá de casa.

Não resta dúvidas da sua eficácia, no entanto é importante ter consciência de que o produto se restringe ao uso pessoal, sem fins terapêuticos e, em caso de dúvidas relacionadas à saúde como, por exemplo, doenças cardíacas que utilizam marca-passo, consultar um médico antes de adquiri-lo.

Vendido através do site www.relaxmedic.com.br por R$ 499, o Assento Ultra Massage da Relaxmedic conta com oito programas de massagem que alivia qualquer tensão durante viagens longas e cansativas.

Leia Também:  Michelin promete pneus 100% sustentáveis até 2050

ASSENTO ULTRA MASSAGE

PREÇO MÉDIO: R$ 499

ONDE COMPRAR: www.relaxmedic.com.br

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA