Plantão Policial

Militares do Corpo de Bombeiros de folga ajudam apagar incêndio, em Itapuranga

Os bombeiros com o uso de uma máquina de lavar carros, eles deram início ao combate com jato de alta pressão.

Publicados

Dois militares do Corpo de Bombeiros de Goiás, em horário de folga ajudaram a combater um incêndio em residência em Itapuranga no Vale do São Patrício, na noite da última quinta-feira (1º). O Subtenente Auro Barbosa Coelho que trabalha na 18ª Companhia Independente Bombeiro Militar em Ceres e o Cabo Flávio Divino Pereira da Silva, foram até o local e apoiaram equipe da Polícia Militar (PM) que tentava apagar o fogo.

Os bombeiros com o uso de uma máquina de lavar carros, eles deram início ao combate com jato de alta pressão. Assim, mesmo sem equipamentos adequados, a ação rápida evitou a propagação das chamas para outros cômodos e imóveis vizinhos.

O Corpo de Bombeiros de Itaberaí, há 70 quilômetros de distância, foram acionados e quando chegaram no local fizeram o trabalho de rescaldo. Não houve vítimas. A ação dos policiais e bombeiros foi fundamental para o êxito do combate.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Tenente da PMGO morre vítima de tentativa de latrocínio, em Goiânia
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

PRF apreende carga irregular de combustível avaliada em cerca de R$ 400 mil

Cada veículo transportava 60 mil litros de combustível, e apresentaram documentação fiscal inidônea, indicando suspeita de fraude no recolhimento de impostos ao Estado

Publicados

em

A Policia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 120 mil litros de etanol, na noite desta segunda-feira (12), na BR 153, em Jaraguá. A carga estava em dois caminhões bitrem e está avaliada em cerda de R$ 400 mil.

Os caminhões trafegavam juntos pela rodovia quando foram parados pela PRF na unidade de Jaraguá. Cada veículo transportava 60 mil litros de combustível, e apresentaram documentação fiscal inidônea, indicando suspeita de fraude no recolhimento de impostos ao Estado.

Os motoristas alegaram a PRF que carregaram em Paulínia, no interior paulista, e o combustível seria descarregado em Piripiri, no Piauí.

As carretas foram escoltadas pela PRF na noite desta segunda-feira, até Goiânia, na sede da Secretaria de Economia (SECON-GO), que ficará responsável pela aplicação das penalidades tributárias cabíveis, que podem chegar a R$ 100 mil.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Falta de bom senso de comerciante e clientes assusta população em Ceres; Vídeo
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA