Modelo brasileiro surpreende ao se casar com nove mulheres; veja fotos

Publicados


source
Casamento de modelo brasileiro, em SP
Divulgação CO

Casamento de modelo brasileiro, em SP

O modelo brasileiro conhecido como Arthur O Urso ganhou destaque na mídia internacional ao celebrar uma união amorosa de uma maneira nada ortodoxa. É que ele se “casou” com nove mulheres, numa cerimônia simbólica realizada numa igreja em São Paulo. E tudo com pompa e circuntância: com direito a moças vestidas de branco e ele trajado à caráter.

Arthur já mantinha um relacionamento com Luana Kazaki, com quem até já desfrutou uma lua de mel. Adeptos ao “poliamor” (relacionamento amoroso com mais de duas pessoas, ao mesmo tempo), tomaram a decisão de celebrar o número de parceiros com quem se relacionam. Para o casamento simbólico, o modelo pediu a mãe das outras mulheres, que aceitaram a empreitada. O grupo decidiu “oficializar” união para celebrar o “amor livre” e também o posicionamento contra a monogamia.

O caso chamou atenção de portais internacionais, que noticiaram o caso. O “casamento” foi tema de matérias na Inglaterra e até a China. O inglês “Daily Star”, por exemplo, publicou “homem se casa com nove mulheres para celebrar o amor livre e protestar contra a monogamia”.


Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ENTRETENIMENTO

Paulo Betti se desculpa após comparar Weverton, do Palmeiras, com goleiro Bruno

Publicados

em


source
Paulo Betti e Weverton
Reprodução/Instagram

Paulo Betti e Weverton

Após a conquista do título da Copa Libertadores da América , no último sábado (27), o goleiro Weverton, do Palmeiras , agradeceu a Deus em entrevista transmitida ao vivo. O discurso religioso (veja abaixo) foi criticado pelo ator Paulo Betti, que comparou o palmeirense ao goleiro Bruno , ex-Flamengo e condenado pelo assassinato de Eliza Samudio.

“O discurso do goleiro do Palmeiras depois do jogo, aquela falação sobre Deus quando devia estar comemorando, aquela cena dele rezando antes de começar o jogo, me fez lembrar do goleiro Bruno, que rezava no Maraca e depois ia matar a moça e jogar para os cães. Explica muito o Brasil”, tuitou o ator, que apagou o post após a repercussão negativa do comentário, que se tornou um dos assuntos mais comentados na rede social.

Leia Também:  Luísa Sonza recebe ataques na rua e anuncia pausa na carreira: 'Saúde mental'

Leia Também

Ao GLOBO, Paulo Betti diz que se arrepende pela publicação na rede social. Em entrevista ao Uol, Weverton ressaltou que “não tem rancor” e que já perdoou o ator. “Ele sabe que errou, mas eu desculpo e perdoo, sem problema nenhum”, afirmou o goleiro.

“Errei, fiz um post infeliz, impensado. Mas que bom que ele me desculpou. Acho o Weverton um grande goleiro, e fiquei muito feliz em saber que ele me perdoou. Ele teve uma grandeza aí. Agora é bola pra frente”, frisa Betti. “Fui infeliz por misturar religião, política e futebol. São coisas distintas, e que não dá para misturar”, diz. 

Leia Também

Alvo de ataques promovidos por bolsonaristas e palmeirenses, Betti diz que tem respondido a todas as pessoas que o abordam, por meio de mensagens e comentários nas redes sociais, para falar sobre o assunto.

“Quase todo mundo me entende: 95% das pessoas que começam me desancando no Instagram depois entende meu pedido de desculpas. Reconheço que errei. Claro que sei que não fui correto. A intenção não era ofender ninguém, mas no Twitter é assim: você acaba postando o que não era para postar. E tudo é uma questão de aprendizado. Nunca é tarde para crescer”, diz Paulo Betti, que fechou a conta no Twitter temporariamente.

Leia Também:  Bruno Ferrari diz estar negociando para vender fotos do pé para seguidor
Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA