Subaru irá construir fábrica de veículos elétricos nos EUA

Publicados

source
Subaru Solterra deverá ser um dos modelos da marca japonesa que será feito na nova unidade de produção
Divulgação

Subaru Solterra deverá ser um dos modelos da marca japonesa que será feito na nova unidade de produção

A Subaru anuncia investimento de US$ 1.9 bilhões (em torno de R$ 9.6 bilhões) nos próximos cinco anos para a produção e desenvolvimento de tecnologias relacionadas à produção de baterias e veículos elétricos, com foco no mercado da América do Norte.

A Subaru tem forte presença nos Estados Unidos e já comunicou aos concessionários no país que seu estoque alcançou um nível preocupante de 5 mil unidades, um dos reflexos da crise mundial de semicondutores .

Mas visando mudar esse quadro no futuro , a marca japonesa irá construir uma fábrica para produzir veículos a gasolina e elétricos até 2025 e planejam também uma segunda fábrica, voltada exclusivamente para a produção de veículos elétricos até 2030.

Leia Também:  Registro de patente revela Polestar 5

As fabricantes japonesas buscam acelerar a produção e desenvolvimento de veículos elétricos para tentar recuperar terreno perdido para a Tesla , que é a líder no segmento de veículos elétricos atualmente.

De acordo com o CEO da Subaru, Tomomi Nakamura, os veículos produzidos na fábrica exclusiva para automóveis elétricos serão focados para exportação, mas negou dar detalhes da capacidade de produção planejada e se veículos da Toyota serão fabricados na mesma linha de produção.

Vale lembrar que recentemente a Subaru anunciou seu primeiro veículo elétrico, o SUV Solterra , que é desenvolvido em conjunto com a Toyota, porém, a produção será responsabilidade da Toyota, que irá produzir o Solterra junto com o bZ4X, sua versão do veículo.

Essa parceira entre Subaru e Toyota não vem de hoje, em 2008 a Toyota comprou 20% da Fuji Heavy Industries (Hoje Subaru Corp.), dona da Subaru, e em 2011 as duas fabricantes se uniram para produzir o Toyota GT-86, que tem motor e plataforma produzidos pela Subaru. O modelo é vendido até hoje por ambas fabricantes, e na Subaru é chamado de BRZ.

Leia Também:  Passamos dos 240 km/h em um alucinante caminhão da Copa Truck
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CARROS E MOTOS

Veja vídeo e detalhes da menor casa sobre rodas do mundo

Publicados

em


A ‘obra’ é criação do artista e escultor de Boston Jeff Smith, que levou dois anos para fazer a pequena habitação
Reprodução

A ‘obra’ é criação do artista e escultor de Boston Jeff Smith, que levou dois anos para fazer a pequena habitação

A menor casa do mundo tem apenas 2,2 metros de comprimento, 1,1 metro de largura e 90 cm de altura e de tão pequena, pode ser acomodada no interior de uma van de tamanho médio.

Mas engana-se quem pensa que com toda essa economia, não há espaço suficiente para ‘o morador’ viver. A casa vem com todos os confortos básicos como um banheiro com gerenciamento de resíduos sólidos água encanada, reciclagem de águas cinzas, um chuveiro diferente de qualquer outro que você já viu, uma turbina eólica e todas as vantagens de se juntar ao movimento das casas pequenas.

A  ‘obra’ é criação do artista e escultor de Boston Jeff Smith, que se dedicou durante dois anos para criar uma minúscula habitaçã o levada ao extremo, cujo desafio era de criar diversos ambientes funcionais de uma espaço minúsculos.

Leia Também:  Ford Ranger Splash 2022 faz tributo ao clássico dos anos 90

Por mais engraçado e bizarro que possa parecer, a menor casa do mundo é de fato funcional. O piso do quarto de solteiro serve tanto de cama quanto de sala e há uma clarabóia que se abre para quando o morador quiser se levantar.

Além disso, há uma pequena pia que jorra água de uma vasilha e um forno de uma boca. A água da pia é redirecionada para os canteiros de flores do lado de fora da janela, onde há um cultivo de rúcula.

Há também um buraco no chão coberto por um Frisbee no lugar de um banheiro, com o ‘sistema de gerenciamento de resíduos’ sendo uma bandeja de aço cheia de areia para gatos. O chuveiro é um recipiente em forma de caixa feito de material termoplástico que borrifa finos jatos de água por todo o corpo e, segundo o próprio Smith, não deve em nada para um chuveiro convencional.

Smith conta que a sua casinha é feita inteiramente de materiais reciclados , desde as tábuas de madeira até as placas reaproveitadas usadas para as janelas de vigia, e a porta do celeiro reciclada para a entrada.

Leia Também:  Renault Kiger é o SUV do Kwid com motor 1.0 turbo

Pesando 226,8 kg, o único inconveniente é o esforço para ‘estacioná-la’ de um lugar para outro, conforme as próprias palavras do inventor e o mais curioso é que, um ano após sua introdução, em 2016, Smith listou a casa para alugar no Airbnb , pedindo US$ 55 por noite, ou R$ 288 em uma conversão simples.

Na época, Smith chegou a receber algumas reservas e foi questionado pela imprensa local sobre o motivo de inventar uma casa tão pequena, e o mesmo disse que há alguma fantasia em toda a ideia comentando aos jornalistas se realmente eles gostariam de morar em uma pequena casa?

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA