VW revela esboço de novo protótipo de sedã elétrico ID.Aero

Publicados

source
Modelo é tido como substituto do Passat, mas feito com a mesma base MEB da família de elétricos da marca
Divulgação

Modelo é tido como substituto do Passat, mas feito com a mesma base MEB da família de elétricos da marca

A Volkswagen divulga uma nova imagem do sedan elétrico ID. Aero, um sedã elétrico de tamanho médio que deve ser mostrado oficialmente ao público, na forma de protótipo, no próximo dia 27.

Segundo a fabricante, o Aero será um sedã lançado na segunda metade do ano que vem, inicialmente na China, com os modelos da Europa e América do Norte na sequência, mas ainda em 2023.

O que se sabe até agora é que o Aero será fabricado na plataforma MEB , criada especificamente para modelos elétricos e terá influências visuais de outros integrantes da linha de elétricos da Volks, como ID.4 e ID.Buzz.

O esboço mostrado pela VW indica uma barra iluminada na dianteira conectando dois faróis com elementos que parecem um projetor e são similares ao do Passat , modelo que foi descontinuado em 2021 e pode ser sucedido pelo Aero.

Leia Também:  Audi, Porsche e VW inauguram posto de recarga ultrarrápida de carros elétricos

O desenho não indica maçanetas, o que é até normal no sentido de projeção, mas pode indicar que o modelo não tenha maçanetas físicas, visto que o conceito ID.Space Vizzion também não possui.

Modelo trás elementos familiares da linha ID e deverá ser maior que um BMW Serie 5
Divulgação

Modelo trás elementos familiares da linha ID e deverá ser maior que um BMW Serie 5

O conceito do ID.Aero terá 5 metros de comprimento, sendo maior que até mesmo um BMW Série 5 , e já foi flagrado rodando na Europa, sob camuflagem com os faróis e lanternas de um Jetta .

As especificações técnicas do conceito não foram reveladas, mas deve acontecer no anúncio do veículo. Por utilizar a plataforma MEB, o Aero deve ser equipado com baterias de 84 kWh , o suficiente para 700 km de autonomia no ciclo WLTP.

O modelo deverá contar inicialmente com tração traseira, mas a tração nas quatro rodas deverá ser disponibilizada logo em sequência, até em uma versão esportiva GTX .

Os modelos da linha ID da Volkswagen são equipados inicialmente com um motor elétrico, geralmente sob o eixo traseiro, que entrega 204 cv e 31,6 kgfm de torque, e nas versões mais caras, oferecem tração integral graças à adição de outro motor no eixo dianteiro.

Leia Também:  Fiat Cronos tem desconto de R$ 5 mil na versão de entrada
Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CARROS E MOTOS

SUV de luxo DS7 recebe novo visual e fica mais futurista

Publicados

em

DS 7 é híbrido plug-in tem versão capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 5,6 segundos
Divulgação

DS 7 é híbrido plug-in tem versão capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 5,6 segundos

A DS, marca de luxo da Citroën, apresenta a nova linha do 7, seu SUV que recebe atualizações visuais e perde a nomenclatura “crossback”.

A dianteira agora conta com novos faróis de LED , com tecnologia matrix, a grade recebeu novo padrão e desenho levemente modificado, para conversar melhor com o desenho dos faróis, que são mais finos.

Porém o que mais chama a atenção na dianteira do DS7 é a nova assinatura do DRL, composta por 33 LEDs, e coberta com policarbonato transparente.

Graças às alterações, a dianteira do DS7 atualizado , além de se tornar mais elegante, também passa a ficar mais de acordo com os outros modelos da linha DS . Na traseira, a tendência de l anternas mais finas se mantém, e dão a impressão que o DS7 é mais largo do que realmente é. Além disso, há um elemento pintado de preto que conecta as lanternas, que apresentam um visual que lembra escamas.

Leia Também:  Fiat Cronos tem desconto de R$ 5 mil na versão de entrada

O interior também teve mudanças, mas são mais simples. A cabine agora tem uma tela de 12 polegadas, sensível ao toque, que conta com Android Auto e Apple CarPlay sem fio, além de um modo de visão noturna, mas ainda mantém uma alavanca física de câmbio, similar a vista no Peugeot 3008 , por exemplo.

Os motores consistem em opções a gasolina, diesel e versões híbridas plug-in . Dependendo do mercado, será oferecido um motor a diesel ou gasolina de 130 cv.

Com baterias de 14.2 kWh, e um motor elétrico para auxiliar na economia de combustível, o DS7 possui potência total de 228 cv nos modelos de tração dianteira e 304 cv nas versões de tração integral, o que é suficiente pra levar o modelo de 0 a 100 km/h em 5.6 segundos.

O DS7 renovado mede 4,60 m de comprimento, 1,62  de altura e 2,1 m de largura, sendo 2,7 m de entre-eixos.A novidade da marca francesa DS deve ser vendida a partir de setembro na Europa, e deve custar a partir dos € 54 mil (em torno de R$ 295.980 numa conversão simples).

Leia Também:  Nissan anuncia a produção da nova Frontier na Argentina

A DS já foi vendida no Brasil entre 2012 e 2017 e ofereceu os modelos DS3, DS4 e DS5, e apesar de registrar alguns modelos atuais no Brasil, não há sinais de um retorno ao nosso país.

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA