Política

Daniel Vilela representa governador Caiado em reunião com Lula: “Reafirmamos o apoio à democracia”

Vice-governador também esteve com presidente da República, ministros do STF e representantes do Poder Legislativo em caminhada do Palácio do Planalto à sede da Suprema Corte.

Publicados

Representando o governador Ronaldo Caiado, o vice-governador Daniel Vilela participa de reunião com o presidente Lula, representantes de todos os estados, ministros do STF e presidentes do Poder Legislativo. Fotos: J. Eurípedes.

O vice-governador Daniel Vilela participou, nesta segunda-feira (09), em Brasília, de reunião com o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. “Reafirmamos o apoio à democracia brasileira e ao Estado Democrático de Direito em todas as manifestações. Os governadores, o presidente da República, a presidente do Supremo Tribunal Federal, e presidentes do Legislativo. Todos em um ato de desagravo dos Poderes, afrontados pelos atos de terrorismo e vandalismo que ocorreram no dia de ontem”, avaliou Daniel.

O encontro foi convocado pelo chefe do Poder Executivo Federal, após os ataques acontecidos no domingo. Daniel representou o governador Ronaldo Caiado, que guarda repouso relativo após intervenção cirúrgica realizada no mês de dezembro. “Não se trata de nada partidário ou ideológico. O governador sempre foi grande opositor do PT e do próprio presidente Lula, mas jamais deixou de reconhecer a lisura dos processos eleitorais”, comentou o vice-governador.

Daniel recapitulou as ordens de Caiado para coibir novas ações antidemocráticas. “Ontem mesmo, determinou a todas as Forças de Segurança do estado que estivessem atentas, de prontidão e trabalhando de forma compartilhada com as Forças de Segurança nacional, para coibir qualquer atitude por parte destes vândalos”, reforçou. Sobre a breve conversa que teve com Geraldo Alckmin, após a visita ao STF, relatou que o vice-presidente se colocou à disposição de Goiás e desejou plena recuperação ao governador Caiado.

Leia Também:  Com aval de Dilma, ministro da Saúde discute volta da CPMF

Defesa da democracia

Ao encerrar a reunião, o presidente Lula saudou os governadores que “vieram prestar solidariedade ao país e à democracia”. Assegurou que vai investigar quem foram os responsáveis por financiar os atos e que não vai permitir que a democracia “escape das nossas mãos”. “Não vamos ser autoritários com ninguém, mas não seremos mornos com ninguém. Vamos investigar e vamos chegar a quem financiou”, afirmou.

O presidente da República seguiu: “Foi muito difícil, para vocês e para mim, conquistar a democracia neste País. Foi muito difícil que tivéssemos uma Constituição que fosse uma carta cidadã respeitada por todos nós. Foi muito difícil conquistar o direito de manifestação neste País”, pontuou. “A gente quer continuar tendo direito de manifestação. A gente não precisa gostar um do outro; precisa apenas se respeitar. Aprender a conviver democraticamente na adversidade”.

Após a reunião, Lula mobilizou os participantes numa caminhada do Palácio Planalto à sede do STF, num ato de solidariedade à Suprema Corte, “duramente atacada”, nas palavras de sua presidente, ministra Rosa Weber. O interior do prédio histórico, em especial o plenário, foi um dos principais alvos dos vândalos. “Essa simbologia me entristeceu de uma maneira enorme, mas eu quero assegurar a todos que vamos reconstruí-lo e que no dia 1º de fevereiro daremos início ao ano judiciário”, assinalou a ministra.

Leia Também:  ‘Se esquerda radicalizar’, resposta 'pode ser via um novo AI-5', diz Eduardo Bolsonaro

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESTADO

Caiado prestigia posse do novo reitor do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno

Padre Marco Aurélio Martins da Silva foi nomeado pelo governo da Província Redentorista de Goiás, responsável pelo Santuário desde 1894. O sacerdote assumiu ainda a Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe) e a coordenação da festa de Trindade.

Publicados

em

Governador Ronaldo Caiado durante posse do novo reitor da Basílica do Divino Pai Eterno, em Trindade. Fotos: Júnior Guimarães.

O governador Ronaldo Caiado prestigiou neste sábado (28), em Trindade (GO), a posse do missionário redentorista padre Marco Aurélio Martins da Silva como novo reitor do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno. O sacerdote assume também a presidência da Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe) e estará à frente da Romaria do Pai Eterno, tradicional festa religiosa que neste ano será anunciada em fevereiro.

Católico praticante, Caiado desejou sucesso ao reitor nesta nova missão. “Fiz questão de estar aqui para cumprimentá-lo e me colocar, como governador, à disposição de todas ações que ele venha realizar nos próximos anos”, frisou. O governador comentou ainda sobre a parceria com o religioso, enquanto diretor da Vila São Cottolengo por quatro anos. “Acompanhei o trabalho dele durante todos os nossos anos de governo”.

A nomeação do novo reitor foi realizada pelo governo da Província Redentorista de Goiás, responsável pelo Santuário desde 1894. Até dezembro, o novo superior provincial da congregação redentorista em Goiás, Pe. João Paulo dos Santos, ocupava as duas funções. Na celebração, foi lida a Provisão Canônica e, após o Juramento de Fidelidade e a Profissão de Fé, padre Marco Aurélio assumiu a função de reitor. Durante a missa, ele recebeu ainda, simbolicamente, as chaves da igreja onde presidirá as celebrações.

Leia Também:  Marconi e Paulo se aproximam

“Neste Santuário eu reafirmo o meu discipulado e a minha entrega ao amor do Pai. Agradeço pela confiança, por essa certeza na fé de que juntos podemos continuar evangelizando, transformando e fazendo com que esse lugar sagrado seja o lugar da evangelização”, destacou o novo reitor.

Em seu discurso, Pe. Marco Aurélio também agradeceu a parceria do Governo do Estado na realização das festividades religiosas, especialmente na festa de Trindade. “Contamos muito com o governador, o senhor sempre mostrou que está muito próximo da nossa missão e que está junto com todos os romeiros do Pai Eterno”.

A missa foi presidida pelo bispo auxiliar da Arquidiocese de Goiânia, Dom Levi Bonatto, que durante a homilia falou sobre a importância da igreja cuidar tão bem do Santuário e de se preocupar com a nomeação dos líderes religiosos. “O romeiro procura sempre no seu santuário a santidade, estar mais perto de Deus, mais perto do céu, no santuário da sua devoção”, refletiu.

Padre Marco Aurélio Martins da Silva.

 

Leia Também:  Governo de Goiás decreta ponto facultativo nesta segunda-feira (23)

Perfil

Formado em Filosofia e Teologia pelo Instituto de Filosofia e Teologia de Goiás (Ifiteg),  padre Marco Aurélio Martins da Silva, de 43 anos, já colaborou no Santuário Basílica Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Goiânia, no ano de 2007, e depois assumiu a Paróquia de Trindade entre 2008 e 2014.

No ano seguinte, foi nomeado pároco na Paróquia Santo Antônio de Pádua, em Rio Verde. De 2019 a 2020, foi designado reitor e pároco do Santuário Basílica Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Goiânia. Além disso, entre 2019 e 2022, o sacerdote foi presidente da Vila São José Bento Cottolengo, em Trindade.

Acompanharam o governador na celebração o prefeito de Trindade, Marden Júnior; a deputada federal Flávia Morais; os estaduais Antônio Gomide, Cristiano Galindo, o juiz de direito Liciomar Fernandes e Doutor George; o provincial redentorista Pe. João Paulo; além de fiéis e devotos do Divino Pai Eterno.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA