Vale do São Patrício

Em Goianésia, moradora esquece panela na chama do fogão e vizinhos acionam bombeiros para incêndio em residência

A corporação foi acionada por vizinhos uma vez que os moradores não se encontravam na casa.

Publicados

No início da noite deste domingo (21), o Corpo de Bombeiros foi acionado por vizinhos uma vez que os moradores não se encontravam na casa, para atenderem uma ocorrência de incêndio residência na Rua 39 Sul, entre as Ruas 06 e 08, região sul de Goianésia no Vale do São Patrício.

Apesar do alvoroço e de grande mão de obra empregada, com cinco socorristas da corporação, foi constatado que a moradora havia saído e deixado uma panela no fogão, com a chama ligada.

“Vizinhos relataram cheiro de queimado e fumaça e o morador não encontrava em casa. A guarnição precisou cortar o cadeado do portão para ter acesso a residência e constatar que o fogão estava com a chama acesa e havia uma panela com o conteúdo em brasas. A guarnição desligou a chama, retirou a panela para o exterior da residência e abriu as janelas da casa para ventilar o ambiente”, explicou a corporação em nota.

Com a ação rápida dos integrantes do Corpo de Bombeiros, o princípio de incêndio foi rapidamente controlado, evitando assim que a casa fosse incendiada.

Leia Também:  Goiás registra saldo positivo de 50.929 empregos com carteira assinada entre janeiro e abril de 2021

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceresClique aqui

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

PC divulga número de telefone para receber denúncias do caso Wanderson

A força-tarefa criada para o caso é conduzida pela Delegacia Regional de Anápolis, com apoio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Rurais e do Grupo de Investigação de Homicídios. 

Publicados

em

A Polícia Civil (PC) divulgou número de telefone para receber denúncias do paradeiro de Wanderson Mota Protácio, suspeito de ter matado a esposa grávida, a enteada de 2 anos e um fazendeiro, no último domingo (28), em Corumbá de Goiás, município distante 113 quilômetros de Goiânia.

Qualquer informação que possa ajudar nas investigações pode ser repassadas por meio dos telefones (62) 98595-6557 e 197.

A força-tarefa criada para o caso é conduzida pela Delegacia Regional de Anápolis, com apoio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Rurais e do Grupo de Investigação de Homicídios.

 

Crime

Wanderson Mota matou a esposa grávida e a enteada a facadas. Depois do crime na casa onde morava, o homem teria ido a uma fazenda da região, furtado uma arma de fogo e atirado contra o dono da propriedade, identificado como Roberto, que não resistiu.

Ainda de acordo com as informações iniciais da polícia, Wanderson teria tentado estuprar a esposa do fazendeiro. A mulher também foi baleada. Ela teria se fingido de morta, momento que o suspeito furtou uma caminhonete e fugiu.

Leia Também:  Em Goianésia, decreto proíbe realização de shows em bares, música ao vivo, ou qualquer atração que aglomere pessoas

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceresClique aqui

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA