plantão policial

Em Goiânia, homem invade casa, atira em mulher e mata o filho dela

A polícia não divulgou a motivação do crime. A mãe da vítima está em estado grave no HUGO.

Publicados

Na tarde desta quarta-feira (21), um homem invadiu uma casa e atirou em uma mulher e o filho dela, na rua 262, em uma viela do Setor Leste Universitário, em Goiânia. Conforme a Polícia Civil (PC), o suspeito estava com uma pistola.

A mãe Poliana da Silva de 40 anos, foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada para o Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO). A unidade de saúde informou que ela está sedada e entubada com estado de saúde grave. O filho da mulher, Felipe da Silva de 18 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu dentro de casa.

A PC informou que até o momento não existe uma linha de investigação sobre a motivação do crime, mas que estão em busca do suspeito que não teve a identidade divulgada.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE,

através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em Goianésia, PC realiza captura de foragido da justiça condenado por crime de estupro
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

Em Goiás, motorista de aplicativo é preso suspeito de assediar sexualmente passageiras

A programação prevista para os quatro dias inclui diversos painéis com palestras técnicas a serem proferidas por especialistas do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e de outras instituições públicas e privadas do Brasil e do exterior; e ainda realização de minicursos, além da apresentação dos trabalhos científicos.
Nas palestras técnicas serão abordados temas como Inovação Tecnológica Aplicada à Qualidade do Leite; Desafios e Perspectivas das Fazendas Leiteiras para Produção de Leite com Qualidade; Biosseguridade: Inovação Tecnológica e Novos Produtos Lácteos; Desafios da Produção com Qualidade em Pequenas Propriedades Rurais nas Diferentes Regiões do País; Resíduos de Produtos de Uso Veterinário; Mercado Externo do Leite e muitos outros.

Publicados

em

Um motorista de aplicativo foi preso em Aparecida de Goiânia na tarde desta segunda-feira (26) suspeito de agredir e importunar sexualmente passageiras. O suspeito começou a ser procurado pela Polícia Civil (PC) na quinta-feira (22), após denúncia de uma vítima, que alegou que o motorista, que tem 28 anos, passou as mãos nas pernas dela durante uma corrida.

Em seguida, após reclamar da atitude do rapaz, a vítima teria sido agredida com murros. A mulher ainda relatou aos policiais que, com muito custo, conseguiu fugir do motorista e foi acolhida por uma senhora que a colocou dentro do carro.

Já no dia seguinte, conforme investigação da PC, o homem teria repetido a ação criminosa após aceitar a corrida de outra mulher. Ele teria a elogiado de maneira invasiva e também teria seguindo, sem autorização da passageira, trajeto diferente do apontado pelo aplicativo. Ele teria levado a passageira até uma rua escura, parado o carro e pedido um beijo à vítima.

Ainda de acordo com relato da mulher à polícia, o homem, que também teria tocado a perna da segunda vítima, teria afirmado que a levaria para um motel. A passageira, no entanto, conseguiu descer do veículo e correr até um estabelecimento comercial, onde pediu socorro.

Leia Também:  Ex-ministro Milton Ribeiro é preso em operação da PF

A PC informou que achou por bem divulgar a imagem do suspeito, conforme os termos da Lei nº 13.869/2019 e da Portaria nº 547/2021 – PC, com o objetivo de identificar possíveis novas vítimas e testemunhas que façam o reconhecimento do homem, além de provas.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE,

através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA