Plantão Policial

Funcionário público é preso suspeito de roubar e revender equipamentos de informática da SME de Goianésia

Publicados

Um funcionário público municipal foi preso suspeito de furtar e revender equipamentos de informática da Secretaria Municipal Educação (SME). O homem também é suspeito de se apropriar de equipamentos da pasta para seu uso.

O rapaz de 22 anos foi preso na sede da SME, local onde trabalhava, e deverá responder pelo crime de peculato. As investigações tiveram como ponto de partida um registro de ocorrência de furto realizado na Delegacia de Polícia de Goianésia. Neste registro, a Secretaria de Educação informou que um computador pertencente ao órgão estaria sendo vendido em sites de vendas.

Após investigação, a Polícia Civil localizou com um técnico de informática, computadores, monitores, teclados, mouses, cabos VGA, projetor de imagens, placas de vídeo, entre outros equipamentos de informática. De acordo com a polícia, o suspeito de receptação alegou que teria adquirido os equipamentos de um servidor público, uma vez que ele havia afirmado que se tratava de objetos de uma arrematação de leilão.

Leia Também:  PRF detém casal com droga escondida na lataria de veículo na BR 364

Diante da informação, Policiais Civis deslocaram até a Secretaria de Educação, onde efetuaram a prisão em flagrante do funcionário. Para complicar ainda mais a situação do rapaz, durante diligências em sua residência os policiais encontraram um notebook do “Escola Digital” da prefeitura de Goianésia. Todo material foi apreendido, e após serem periciados serão devolvidos à SME.

Levado à Delegacia de Polícia, foi lavrado um Auto de Prisão em Flagrante (APF), em desfavor do suspeito e posteriormente recolhido à Unidade Prisional onde ficará à disposição do Poder Judiciário. Já o técnico de informática, por ser menor de idade, deverá responder por ato infracional análogo ao crime de receptação.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Acidente

Colisão entre motocicleta e carreta mata uma pessoa na BR-153, em Anápolis; Assista

Populares que presenciaram o acidente anotaram os dados da carreta e comunicaram com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar (PM).

Publicados

em

Um grave acidente ocorrido na noite deste sábado (21) resultou na morte de um rapaz de 24 anos, na BR-153, Km 438, em Anápolis.

Conforme levantamentos preliminares, a carreta seguia de Catalão com destino a Niquelândia, carregada com adubo, no momento que o motorista realizava uma conversão debaixo da BR-153 para acessar a BR-414, ocorreu uma colisão lateral entre os veículos e o caminhão acabou passando em cima da motocicleta e do corpo do motociclista. No entanto, o caminhoneiro não parou e continuou a viagem.

Populares que presenciaram o acidente anotaram os dados da carreta e comunicaram com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar (PM).

Pouco tempo depois, o caminhoneiro foi parado a cerca de 20 km do local do acidente pela PM, no Distrito de Planalmira, e negou que havia se envolvido em acidente.

Com odor etílico e voz arrastada, ele foi submetido ao teste de etilômetro e foi reprovado com teor alcoólico de 0.60 mg/l. O motorista de 52 anos não teve a identidade divulgada, foi preso e foi encaminhado para a Central de Flagrantes em Anápolis, a carreta foi apreendida e foi levada para a Unidade Operacional da PRF.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  PM-GO apreende 1,5 tonelada de maconha
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA