Saúde

Ipasgo Clínicas terá unidade em Itaberaí

Publicados

O município de Itaberaí passará a contar em breve com um espaço do Ipasgo Clínicas. Nesta semana, o presidente do Instituto de Assistência dos Servidores Públicos de Goiás (Ipasgo), Hélio José Lopes, esteve na cidade para visitar imóveis que possam servir à instalação da unidade. A previsão é que o local seja entregue ainda em 2021.

Atualmente, o município conta com 6.088 beneficiários e com apenas 31 prestadores de serviços credenciados para atendê-los. “Temos um alto número de usuários em Itaberaí. Por isso, queremos oferecer um melhor atendimento. Nossa intenção é incluir especialidades cuja oferta é deficitária aqui na região”, disse Lopes.

No mesmo dia, o presidente do Instituto esteve com a prefeita Rita de Cássia, para divulgar o novo credenciamento de profissionais de sete áreas da saúde em todo o Estado. “A Prefeitura e a Câmara Municipal são conveniadas ao Ipasgo. Portanto, é do nosso interesse ampliar a rede de atendimento na cidade. Vamos ajudar a divulgar”, a prefeita.

Projeto 

O Ipasgo Clínicas é um projeto do Governo Estadual de expansão e descentralização dos serviços de saúde nos municípios goianos. Em Goiás, há cinco unidades, sendo três em Goiânia, uma em Aparecida de Goiânia e uma em Anápolis, com atendimentos especializados em Saúde Mental, Pediatria, Saúde da Mulher, bem como Endocrinologia, Reumatologia, Clínica Geral, Angiologia e Cirurgia Vascular. Além do pronto-atendimento pediátrico 24 horas, as clínicas oferecem exames e boxes de observação.

Leia Também:  Neurocientista alerta que apenas conversar não resolve o problema de quem pensa em cometer suicídio

Em dezembro de 2020, o Governo de Goiás lançou o projeto de regionalização do Ipasgo Clínicas para 12 regiões. Jataí, Mineiros, Formosa, Luziânia (ou Valparaíso), São Luís de Montes Belos, Porangatu, Uruaçu, Catalão, Ceres, Itaberaí, Itumbiara e Morrinhos devem ser os polos contemplados. A projeção é de se amparar 262 mil 651 beneficiários.

E, para viabilizar o projeto, o instituto vai transferir o Hospital do Servidor, atualmente Hospital de Campanha (HCamp), para a gestão do Governo de Goiás. Com a mudança, o instituto contará com recursos financeiros para implantar o modelo de atendimento nas diferentes regiões do Estado.

Essas unidades trouxeram um novo conceito de atendimento em saúde, ao descentralizar os serviços e facilitar o acesso aos usuários. “Queremos expandir esse projeto ainda mais, facilitando, assim, o atendimento. Isso faz toda a diferença na qualidade de vida dos mais de 600 mil beneficiários do plano de assistência”, esclarece o presidente do Ipasgo.

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

JORNAL DO VALE – Um jornal a serviço da nossa região, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESTADO

Em Goiás, decreto proíbe atividades não essenciais aos finais de semana; Confira

Publicados

em

O Governo de Goiás divulgou nesta terça-feira (13) o novo decreto com medidas restritivas no estado. De acordo com o documento, as atividades não essenciais ficam proibidas aos finais de semana. As determinações valem por 14 dias.

Ainda segundo o decreto, as atividades comerciais poderão funcionar em turnos diários de até seis horas, mas os seus respectivos horários de funcionamento serão definidos pelas gestões municipais.

Clique aqui e veja na íntegra o decreto.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Vacina de Oxford recebe certificação de boas práticas da Anvisa
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA