Cidades

Pai obriga filho a comer ovo cru que deixou cair no chão

Publicados

Um vídeo que tomou as redes sociais de Rio Verde, mostra um pai obrigando o filho de 4 anos a comer um ovo cru que a criança deixou cair no chão. Segundo a mãe do menino, o pai gravou as imagens e lhe enviou para mostrar a forma de castigo. O Conselho Tutelar acompanha a situação da família.

Na gravação, o pai ordena: “Vai chupar isso aí”. O menino chora e se abaixa para colocar a boca no chão. Em seguida, o adulto insiste: “Chupa, chupa”.

Assim que o garoto obedece, ele se levanta e o pai pergunta: “É bom? Eu falo para você ter cuidado com as coisas. Bom que na próxima vez você toma cuidado. Entendeu? Ouviu?”. O menino responde com sons de choro como se consentisse.

O homem continua: “O pai aqui não passa a mão não. Não sou sua mãe. O que eu falei para você? Que se você deixasse o ovo cair, você ia tomar esse ovo cru”, concluiu.

Veja o vídeo:

A mãe da criança disse que vai registrar um boletim de ocorrência na Polícia Civil por maus-tratos contra o ex-companheiro nesta sexta-feira (23). “Quero ir lá o quanto antes”, afirmou.

Leia Também:  Radialista Getúlio de Sousa volta fazer programa na Rádio Alvorada de Rialma

O pai da criança alega que foi uma brincadeira e que as imagens foram mal interpretadas pelas pessoas. Porém, admite que errou ao expor a criança àquela situação, na última quarta-feira (21).

“Não maltratei nem humilhei meu filho. Estava apenas brincando e foi uma lição. A gente estava pegando ovos e falei para ele não deixar cair, senão iria comer. Uma coisa que fiz errado foi filmar para mostrar para a mãe dele. Aí ele começou a chorar”, disse o pai.

O delegado Carlos Roberto Batista, de Rio Verde, informou que ainda não recebeu nenhuma reclamação oficialmente, mas que, ao assistir o vídeo, a princípio é possível dizer que houve crime de maus-tratos.

O Conselho Tutelar da cidade informou, por telefone, que uma equipe foi designada a ir, nesta sexta-feira, ao local onde o menino mora com o pai para avaliar a situação.

JORNAL DO VALE – Um jornal a serviço da nossa região, desde 1975 – www.jornaldovale.com 

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CIDADES

Em Goiás, ponte sobre o Rio Corrente, é liberada em meia pista

A ponte fica na GO-184, entre Aporé e Serranópolis e corria risco de desabamento

Publicados

em

Foi liberada em meia pista a ponte sobre o Rio Corrente, na GO-184, entre Aporé e Serranópolis, no Sudoeste de Goiás. A ponte havia sido interditada na semana passada por conta de risco de desabamento e os motoristas que precisavam passar pelo local, um dos principais pontos de acesso aos estados do Mato Grosso do Sul e São Paulo, estavam tendo que pegar um desvio de mais de 100 quilômetros.

A interdição se deu para consertar um dos pilares da ponte que está cedendo. Em nota enviada, na última semana, a Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) informou que a estrutura de concreto, que tem 84 metros de extensão, será totalmente recuperada.

A previsão é que as obras sejam concluídas em um prazo de 30 dias depois da contratação da empresa que vai executar a intervenção.

Interdição

A ponte Itumirim, sobre o Rio Corrente, na GO-184, entre Aporé e Serranópolis, no Sudoeste de Goiás, foi completamente interditada no dia 16 de maio, devido ao risco de desabamento. A orientação era para os motoristas que precisam passar pelo local, que é um dos principais trechos de acesso aos estados do Mato Grosso do Sul e São Paulo, é um desvio de mais de 100 quilômetros.

Leia Também:  Polícia Federal faz ação contra fraudes no auxílio emergencial

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA