Plantão Policial

PC recupera carga de arroz furtada e realiza prisão de receptador, em Ceres

10ª Delegacia Regional de Polícia – Ceres em ação

Publicados

A Polícia Civil (PC) através da Delegacia de Ceres após compartilhamento de informações com a Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (DECAR) e com o apoio da PC de Carmo do Rio Verde, realizaram a prisão em flagrante, na tarde desta terça-feira (23), de um homem morador de Ceres no Vale do São Patrício, suspeito do crime de receptação. Na ação policial foram recuperados 224 fardos de arroz, avaliados em mais de R$ 20.000,00.

A DECAR informou a PC que uma carga furtada de arroz teria sido revendida na cidade de Ceres. Assim, as equipes da PC de Ceres e Carmo do Rio Verde realizaram diligências e identificaram o possível local onde a carga teria sido revendida, no galpão da residência de um revendedor de cestas básicas do município. A carga recuperada foi restituída para o responsável legal da mesma.

O suspeito da receptação foi conduzido para a DP local e autuado em flagrante pelo crime de receptação. Ele disse para o delegado ao ser interrogado, que adquiriu a carga no domingo (21), por um preço um pouco abaixo do valor de mercado.

Leia Também:  Polícia troca tiros com suspeito de tráfico de drogas em Itapaci

A PC continua com as investigações com a finalidade de identificar outros possíveis participes da receptação e na coleta de elementos de informação que identifiquem o suspeito de ter furtado a carga. O suspeito da receptação G.G.S. teve fiança arbitrada em R$ 5.000,00 (cinco mil reais) sendo recolhida e colocado em liberdade. Ele teve apreendido um aparelho celular Iphone que deve passar por perícia.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceresClique aqui

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

Caso Wanderson: Mãe e filha são sepultadas em Corumbá de Goiás

As buscas por Wanderson se concentram em três cidades do Entorno do DF. Além de Corumbá de Goiás, a força tarefa também faz buscas em Alexânia e Abadiânia.

Publicados

em

Os corpos da mulher, de 21 anos, e a filha, de quase dois, foram sepultadas, na manhã desta terça-feira (30), em um cemitério de Corumbá de Goiás. A mãe e a filha, foram veladas na mesma cidade e teriam sido assassinadas por Wanderson Mota Protácio com golpes de faca, no último domingo (28). Familiares e amigos acompanharam os sepultamentos.

O suspeito, que tem 21 anos, também é apontado como o suspeito de assassinar um fazendeiro de 73 anos. As investigações apontam que o foragido trabalhava como caseiro para o homem. A mulher da vítima de 45 anos, sobreviveu ao ataque e está consciente, orientada e estável.

As buscas por Wanderson se concentram em três cidades do Entorno do DF. Além de Corumbá de Goiás, a força tarefa também faz buscas em Alexânia e Abadiânia. O delegado responsável pelo caso, Tibério Martins Cardoso, disse que a estimativa é de 70 policiais trabalhando no caso.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceresClique aqui

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Polícia troca tiros com suspeito de tráfico de drogas em Itapaci
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA