Plantão Policial

Em Nova Glória, veículo é incendiado em frente casa do proprietário

Próximo da residência do homem há uma câmera de segurança que poderá fornecer imagens que ajudem a identificar os responsáveis pelo incêndio.

Publicados

Em Nova Glória, veículo é incendiado em frente casa do proprietário. Foto: PM

Na manhã desta segunda-feira (10) por volta de 05h00, a Polícia Militar (PM) de Nova Glória no Vale do São Patrício foi acionada para atender uma ocorrência de incêndio na rua Expedito da Silva, próximo de um posto de combustíveis.

Um veículo VW/Gol foi incendiado em frente à casa do proprietário. O dono do veículo relatou que acordou com o barulho das chamas e, antes disso, ouviu pessoas conversando perto da porta de sua residência. A vítima e sua namorada conseguiram apagar o fogo, mas notaram dois galões plásticos queimados perto do carro, sugerindo um ato criminoso.

A PM ao indagar o dono do carro se tinha algum inimigo ou se havia sido ameaçado, a vítima revelou que dias atrás recebeu uma mensagem de um número desconhecido com a frase “sua hora vai chegar”. Em decorrência da rápida ação, o veículo sofreu apenas danos parciais e o Corpo de Bombeiros não foi acionado.

Leia Também:  Setor de Serviços em Goiás registra maior alta do país em julho

O proprietário do veículo disse que precisa viajar urgentemente a trabalho e, por isso, removeu o Gol do local para liberar a garagem, o que impediu a realização de uma perícia imediata.

O homem foi orientado a comparecer na subdelegacia de Polícia Civil de Nova Glória para registrar o fato.

Próximo da residência do homem há uma câmera de segurança que poderá fornecer imagens que ajudem a identificar os responsáveis pelo incêndio.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

PC realiza operação contra grupo suspeito de falsificar documentos para pagamentos judiciais de mais de R$ 30 milhões; Assista

Conforme a PC, estão sendo cumpridos mandados de prisão e de busca e apreensão em Goiás e em outros cinco estados da federação.

Publicados

em

PC realiza operação contra grupo suspeito de falsificar documentos para pagamentos judiciais de mais de R$ 30 milhões. Foto: PC

Na manhã desta quarta-feira (19), a Polícia Civil (PC) está cumprindo 33 mandados de prisão e 35 de busca e apreensão contra um grupo suspeito de aplicar golpes contra a administração pública, envolvendo o levantamento de alvarás de pagamentos judiciais fraudulentos. O prejuízo, segundo as investigações da PC é de R$ 31,8 milhões.

No estado de Goiás, estão sendo cumpridos mandados em Goiânia, Trindade, Aparecida, Anápolis e Anicuns. Há ainda cumprimentos nos estados da Bahia, Rio de Janeiro, Tocantins, Maranhão e Pará.

Primeira fase da operação

Na primeira fase da operação denominada “Alvará Criminoso”, que foi deflagrada em novembro de 2022, a PC já havia cumprido 27 mandados de busca e apreensão e 12 mandados de prisão preventiva. Na ocasião, os investigadores apuraram que o grupo tinha como modo de agir a falsificação de alvarás judiciais.

Leia Também:  Veículo atinge traseira de carreta estacionada em Ceres

Conforme a PC, advogados cediam acesso ao sistema do Tribunal de Justiça e assinavam os documentos como se fossem juízes. Com os alvarás fraudulentos em mãos, outros integrantes do grupo levantavam os respectivos valores que se encontravam depositados nas contas judiciais.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA