Política

Em uma semana, Governo de Goiás envia cobertores a 107 municípios

Desde 2019, governo já adquiriu mais de 270 mil peças, com investimento de R$ 9,5 milhões.

Publicados

Cobertores da Campanha Aquecendo Vidas 2023 são enviados aos municípios do interior. Em uma semana, mais de 26 mil foram retirados em Goiânia. Foto: Aline Cabral/Secom

Uma semana após a presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado, dar início à entrega dos cobertores da Campanha Aquecendo Vidas 2023, o Governo do Estado já enviou 26,1 mil peças a 107 municípios, por meio do Goiás Social.

O número representa mais de um terço dos 70 mil cobertores adquiridos para este ano e que serão destinados a famílias vulneráveis, entidades sociais, refugiados e a pessoas em situação de rua de todos os 246 municípios goianos. Desde 2019, o governo já adquiriu mais de 270 mil peças, com investimento de R$ 9,5 milhões.

À frente das entregas, Gracinha destaca que a agilidade na distribuição é primordial para que ninguém fique desamparado. “Se antecipar aos dias mais frios é fundamental para essas pessoas que, em muitos casos, não têm sequer um agasalho em casa. É por isso que fazemos questão de distribuir esses cobertores de forma rápida e em todos os municípios, porque depois que o frio passar, não adianta mais. Nossa preocupação é com as pessoas, com o bem-estar de cada um”.

Leia Também:  Alego realiza sessão solene em homenagem aos 70 anos da Igreja do Evangelho Quadrangular

Entre os municípios que retiraram os cobertores nos primeiros dias de campanha, Mineiros, no Sudoeste goiano, que tem temperatura mínima prevista de 14°C para as próximas semanas, foi beneficiado com 440 cobertores. De acordo com o prefeito Aleomar Rezende, essa iniciativa é de extrema importância para os mais necessitados.

“Essa campanha é muito importante. Os mais vulneráveis precisam muito do governo e é uma satisfação ver que a primeira-dama Gracinha Caiado ampara essas famílias não só com esses cobertores, mas com diversas outras ações do Goiás Social que ela leva para nossas cidades”, destacou.

Realizada todos os anos, a Campanha Aquecendo Vidas envia os benefícios às prefeituras para que as famílias do interior sejam beneficiadas em tempo hábil, e distribui cobertores em Goiânia e na região Metropolitana, de porta em porta. “Temos essa preocupação de ir pessoalmente às casas dessas pessoas para fazer a entrega dos cobertores. Quando vemos de perto a situação em que se encontram, conseguimos, logo em seguida, levar outros benefícios por meio das ações do Goiás Social e a cada dia oferecer mais dignidade e qualidade de vida a elas”, completou Gracinha Caiado.

Leia Também:  Alego aprova isenção de IPVA para pessoas com doenças graves

Beneficiada pela Campanha Aquecendo Vidas, Daniela Ferreira, moradora da Ocupação Emanueli, em Goiânia, vive em uma casa próxima a um córrego. Segundo ela, o frio durante a noite é quase insuportável. “Ainda bem que temos pessoas que se preocupam com a gente, que vêm até nós. Um cobertor desse, que pode parecer tão simples para os outros, ajuda a gente demais, porque passar frio dói lá dentro”, conta.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA

Daniel Vilela entrega micro-ônibus para escola que atende alunos com deficiência em Jataí Vice-Governadoria do Estado de Goiás

Vice-governador repassou à Escola de Ensino Especial Érica de Melo Barbosa veículo com capacidade para 29 passageiros, adquirido pelo Governo do Estado ao custo de R$ 410 mil.

Publicados

em

Vice-governador Daniel Vilela entrega micro-ônibus adquirido pelo Governo do Estado à Escola de Ensino Especial Érica de Melo Barbosa, em Jataí. Fotos: Jota Eurípedes

Cerca de 170 alunos da Escola de Ensino Especial Érica de Melo Barbosa, em Jataí, comemoraram, na quarta-feira (19), a chegada de um micro-ônibus adquirido pelo Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), ao custo de R$ 410 mil. O vice-governador Daniel Vilela fez a entrega oficial do veículo, com capacidade para 29 passageiros. A prefeitura ficará responsável pelos gastos com combustível, manutenção e pela remuneração do motorista.

“Esta é uma escola do coração de todos os jataienses. Há 40 anos acolhe crianças e adolescentes com algum tipo de deficiência. Por isso, toda a sociedade e o poder público se mobilizam em prol desta unidade”, afirmou Daniel, cujo discurso foi acompanhado por alunos, pais, professores e servidores administrativos. “Reconheço aqui todo o esforço da equipe multidisciplinar que trabalha o desenvolvimento físico e intelectual dos estudantes, proporcionando-lhes mais qualidade de vida”, acrescentou.

“Este micro-ônibus é uma demanda dos alunos, os verdadeiros protagonistas da história desta escola. Por aqui não há nota do Ideb [Índice de Desenvolvimento da Educação Básica]; também não somos ranqueados e tampouco participamos de avaliações externas”, pontuou a diretora Léia Soares. “Mas em contrapartida, aqui ensinamos o que é amor ao próximo, solidariedade e simplicidade”, ponderou a gestora.

Leia Também:  Jaraguá: Homem que tentou atingir militares com faca e foi alvejado morre em hospital

O prefeito de Jataí, Humberto Machado, destacou a “função social” da unidade de Ensino Especial. E ressaltou que a prefeitura também disponibilizou outros três ônibus de sua frota para atender os estudantes da Escola Érica de Melo. Conveniada com a rede estadual de Educação, a instituição conta agora com dois micro-ônibus. O outro havia sido repassado pelo então senador da República, Ronaldo Caiado, hoje governador de Goiás.

Mudança

Durante a solenidade, o vice-governador garantiu que irá se empenhar para atender à comunidade escolar, que pleiteia a mudança de “escola” para “centro de ensino” – se permanecer como está, segundo o que determina o sistema educacional vigente no país, os alunos com deficiência, após concluírem o Ensino Fundamental I (do 1º ao 5º ano), terão que procurar outra unidade. Como “Centro Especializado” não existiria a obrigatoriedade de deixarem o local.

“Vamos acionar a Procuradoria Setorial da Secretaria da Educação para que, juntos, consigamos superar estes entraves burocráticos. Havemos de encontrar um mecanismo jurídico para resolver esta questão”, assegurou Daniel. Ao final, após apelo feito pela diretora, o vice-governador afirmou que a partir daquele momento, seria o “padrinho” oficial da instituição.

Devolução

Ainda em Jataí, o vice-governador avisou que o Governo de Goiás fará ao Executivo municipal a devolução da área onde será construída, pela prefeitura, uma policlínica. O terreno havia sido repassado à gestão anterior à de Ronaldo Caiado na expectativa de que fosse edificada, com recursos do Tesouro, uma nova unidade de saúde.

Leia Também:  Alego interrompe atividades em apoio às eleições

Como nada foi feito pela administração anterior, e agora com a garantia de R$ 25 milhões em recursos do governo federal – articulados pelo senador Jorge Kajuru (PSB) -, Daniel Vilela confirmou ao prefeito Humberto Machado o retorno da área para o município a fim de agilizar as obras, que serão realizadas bem na divisão dos setores Cidades Jardim I e Jacutinga.

Representantes do Lions Clube de Jataí, uma das entidades mantenedoras da escola, prestigiaram a entrega das chaves do micro-ônibus. Também participaram do evento a coordenadora regional de Educação, Regina Rodrigues; o presidente da Câmara Municipal, Abimael Silva; vereadores de Jataí, como a professora Marina Silveira, ligada à Educação; e secretários municipais, ali representados pela titular da Educação, Izildinha Borba.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA