Estado

Goiás Social: cresce em 261% o número de kits de enxoval doados a gestantes

Número representa avanço registrado entre os anos de 2019 e 2023. Para 2024 estimativa é beneficiar cerca de 18 mil gestantes em situação de vulnerabilidade social: “produção reformulada e melhorada”, afirma Gracinha Caiado.

Publicados

Grávida de oito meses do primeiro filho, Geovana Almeida Miranda ganhou um kit de enxoval de bebê: “roupas lindas e de qualidade”. Fotos: Aline Cabral

O Governo estadual registrou um aumento de 261% no número de kits de enxovais doados pela Organização das Voluntárias de Goiás (OVG). Em 2019, foram 3.943 doações. No ano passado, 14.259. São 38.364 kits para recém-nascidos entregues, nos últimos cinco anos, a adolescentes e jovens atendidas pelo Programa Meninas de Luz e gestantes em situação de vulnerabilidade social, amparadas pelo Goiás Social.

O ganho expressivo em quantitativos de peças fabricadas ocorreu devido aos investimentos realizados em equipamentos modernos e nas capacitações periódicas ofertadas aos colaboradores da linha de produção. Os itens são produzidos em tecido 100% algodão, o que garante conforto ao bebê e durabilidade às roupas, personalizadas em diferentes cores e modelos.

Mensalmente, são produzidos 1.500 kits, o que significa uma estimativa de 18 mil entregas para o ano de 2024. Ao todo, são 15 peças: uma manta de malha; dois cueiros; uma toalha fralda; quatro lenços de boca; um body com manga longa e outro com manga curta; um body especial em tricoline – com sainha para meninas e camisa para meninos -; um macacão com manga longa e dois mijões; além de bolsa maternidade e um pacote de fraldas descartáveis.

“Poder ajudar me proporciona bem-estar físico e mental”, afirma Divina Ferreira da Silva, 70 anos, voluntária da linha de produção de enxovais.

As roupas saem das mãos de habilidosas costureiras, que contam com a ajuda de idosos voluntários dos Centros de Idosos Sagrada Família, Vila Vida e Espaços Bem Viver I e II, que executam com serviços de dobras nas roupas de bebê e realizam pequenos acabamentos de finalização das peças. Divina Ferreira da Silva, 70 anos, faz parte deste grupo. “Poder ajudar me proporciona bem-estar físico e mental. É gratificante”.

Leia Também:  Em Goiás, número de infectados pela varíola dos macacos quase dobra em 72h

A presidente de honra da OVG e coordenadora do Goiás Social, primeira-dama Gracinha Caiado, enfatiza que o trabalho de confecção dos enxovais envolve dedicação e muito amor. “Nós sempre pensamos e queremos dar o nosso melhor a quem precisa. Reformulamos a produção e melhoramos o kit de enxoval para que as mamães tenham condições de vestir os seus filhos com dignidade”.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESTADO

Conheça a fotografia das Cavalhadas de Pirenópolis que ganhou 1º lugar em concurso da Wikipédia

Registro da fotógrafa Michelly Matos foi feito no circuito de 2023 e agora concorre à etapa internacional da premiação. Secult Goiás lançou fotolivro dos festejos com versão impressa e on-line.

Publicados

em

Conheça a fotografia das Cavalhadas de Pirenópolis que ganhou 1º lugar em concurso da Wikipédia.

Com foto que registra os mascarados das Cavalhadas de Pirenópolis, Michelly Matos é a ganhadora do concurso de fotografia da Wikipédia. O Wiki Loves Cultura Popular (WLCP), também conhecido como Wiki Loves Folklore (WLF) em inglês, é uma competição fotográfica anual, organizada por membros da comunidade Wikimedia em todo o mundo. Em 2024, Michelly Matos conquistou o primeiro lugar na etapa nacional com a foto Cavalhadas de Pirenópolis (GO) e agora concorrerá com fotografias de todo o mundo na etapa internacional.

Para Michelly Matos, “esse prêmio é resultado de muita dedicação, sensibilidade e renúncias. Significa ser reconhecida enquanto artista e goiana de coração. Trazer um prêmio para o estado que me acolheu ainda criança, quando ser fotógrafa era um sonho distante, é uma retribuição do quanto fui e sou feliz aqui. Minha primeira vez ganhando prêmio em 1º lugar. É uma confirmação de que estou ao lado de pessoas excepcionais agregando e enriquecendo com muita sensibilidade e amor, a cultura do Estado”.

Leia Também:  FCO Rural: aprovadas 108 cartas-consulta no valor de R$ 113,5 milhões para Goiás

A fotógrafa registrou as Cavalhadas em 2023 para o Idheas, organização social que operacionalizou o Circuito Cavalhadas junto ao Governo de Goiás e também faz parte da equipe oficial de cobertura das Cavalhadas 2024. Seu trabalho tem como foco a beleza da diversidade. Além da cultura popular e de registros das manifestações culturais de Goiás, Michelly tem uma relação íntima com associações e instituições de atenção a pessoas com deficiência, em especial com o Instituto Nacional de Nanismo.

Você pode conferir mais registros de Michelly Matos em suas redes do instagram, no perfil @michellymatoss; e também no fotolivro do Circuito das Cavalhadas, disponibilizado pelo Governo de Goiás, no portal da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), pelo link abre.go.gov.br/eb9b025.

Fotolivro Circuito das Cavalhadas 2023

Produzido pela Secult Goiás, com apoio da Universidade Federal de Goiás (UFG) e do Instituto Idheas, o fotolivro traz 92 páginas com registros fotográficos das batalhas entre cristãos e mouros de 2023, com suas princesas e personagens, além de informações e curiosidades que retratam a grandiosidade das festas, a devoção religiosa e a vibração da comunidade durante as Cavalhadas.

Leia Também:  Semana Estadual da Agricultura Familiar começa na quarta-feira (27) em Goiânia

A publicação é produzida pela Secult Goiás, com apoio da Universidade Federal de Goiás (UFG) e do Instituto Idheas, e também um mapa das localidades que realizam os festejos.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA