Meio Ambiente

“Já está acontecendo”, diz Caiado ao anunciar mais R$ 11 milhões da iniciativa privada para programa Juntos pelo Araguaia

No Dia Mundial do Meio Ambiente, maior iniciativa de recuperação ambiental do mundo alcança um total de R$ 43 milhões em investimentos. Apoio da farmacêutica Hypera Pharma vai recuperar área de 166 hectares nos municípios de Santa Rita do Araguaia e Portelândia. Viveiro será construído em Mineiros, com capacidade de produzir 500 mil mudas nativas por ano. “Já é um programa que está em fase de instalação. Não é algo que vai acontecer”, destaca governador. “Como tudo o que acontece no governo Caiado, projetos não ficam só na promessa”, acrescenta a titular da Semad, Andréa Vulcanis.

Publicados

No Dia Mundial do Meio Ambiente, o governador Ronaldo Caiado fez um gesto para representar o maior projeto de recuperação ambiental do mundo: plantou uma muda de aroeira às margens de rio, no município de Santa Rita do Araguaia, sudoeste goiano. Acompanhado da titular da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), Andréa Vulcanis, ele anunciou o aporte de R$ 11 milhões da farmacêutica Hypera Pharma para o Projeto Juntos pelos Araguaia, parceria dos governos de Goiás, Mato Grosso e federal.

Esse valor será utilizado na recuperação de mais de 160 hectares em Santa Rita do Araguaia e em Portelândia, além da construção de um viveiro de mudas a ser erguido na cidade de Mineiros. “Hoje, nós não estamos assinando um protocolo de intenções. Estamos em mais uma etapa daquilo que é o nosso compromisso de recuperação do Araguaia”, disse Caiado.

Conforme o governador, “já é um programa que está em fase de instalação. Não é algo que vai acontecer. Já está acontecendo”. Ele explica que nunca foi feito algo parecido no mundo, a exemplo dessa iniciativa que prevê recuperar 10 mil hectares de terra, com combate a voçorocas, proteção de cabeceiras e recuperação de matas ciliares. “Temos credibilidade moral para dizer: nós sabemos produzir, respeitamos o meio ambiente e também sabemos recuperá-lo aonde ali existiu algum excesso”, disse Caiado.

A titular da Semad, Andréa Vulcanis, disse que o rio está morrendo sufocado, pois a região tem solo frágil e arenoso. Com o desmatamento e retirada da vegetação nativa, esse solo fica solto e a chuva leva todo ele para dentro dos cursos d’água, causando assoreamento. “Isso implica na perda de biodiversidade, de nossos peixes e, daqui a pouco, na perda do turismo, que é tão relevante nesta região”, disse. “O Juntos pelo Araguaia se apresenta neste novo lote como um avanço, uma entrega efetiva, o projeto saindo do papel. Como tudo que acontece no governo Caiado, os projetos não ficam só na promessa”, destacou.

O apoio do projeto do grupo Hypera Pharma vai se estender pelos próximos três anos, com a recuperação de uma área de 166 hectares nos municípios de Santa Rita do Araguaia e Portelândia. O financiamento também dará suporte à construção de um viveiro em Mineiros, no sudoeste goiano, com a capacidade de produzir 500 mil mudas nativas por ano, que vão ser usadas na recuperação da cabeceira do Rio Araguaia. “O apoio a esse projeto reafirma nosso compromisso com desenvolvimento social e com o Estado de Goiás, onde temos nossa principal operação fabril”, disse Breno Toledo Pires de Oliveira, presidente-executivo da Hypera.

Leia Também:  Em Rialma, mulher é encontrada amarrada pelo pescoço em residência

O prefeito de Santa Rita do Araguaia, Carlos Tadeu, agradeceu ao governador e à toda a equipe do Juntos pelo Araguaia. Segundo ele, muitos conhecem o “grande Araguaia”, mas ignoram que os pequenos córregos da cabeceira são parte do rio caudaloso. “Não adianta um grande corpo se a cabeça não estiver sadia”, disse o prefeito.

A Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) é um dos principais braços do Governo de Goiás na efetivação do projeto ao dar respaldo aos produtores rurais da região. “Com a Emater [Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária] aqui conosco, podemos ter um grande programa, não só no papel, mas lá no campo, para que a gente veja o fruto deste trabalho, o crescimento das árvores e recuperação das nossas nascentes”, disse o titular da Seapa, Tiago Mendonça.

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), deputado federal José Mário Schreiner, também esteve presente no evento, e elogiou a união de ações dos governos de Goiás, Mato Grosso e federal, prefeituras, empresas, produtores e agricultores envolvidos. “Precisamos trabalhar em programas educativos como esse, onde nós vamos resolver os problemas juntos”, disse.

Juntos pelo Araguaia

Lançado em 05 de junho de 2019, o programa Juntos pelo Araguaia visa revitalizar as cabeceiras do rio, que passa pelos Estados de Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Pará. Na primeira etapa, a meta é recuperar 10 mil hectares de áreas degradadas às margens do rio e de seus afluentes. Desde o seu lançamento, há dois anos, o programa já acumula investimentos que somam R$ 43 milhões e que estão sendo revertidos em ações nos 16 municípios goianos que formam a Bacia do Alto Araguaia. Do lado mato-grossense outras 12 cidades integram o projeto.

Entre os investidores está também a empresa Anglo American, que destinou R$ 7 milhões que vão beneficiar cerca de outros 100 hectares, bem como a Rumo Logística que destinará R$ 24,9 milhões ao programa, com lote ainda a ser definido.

Obras

Também em Santa Rita do Araguaia, o governador Ronaldo Caiado vistoriou obras na GO-461, de Santa Rita do Araguaia ao entroncamento da GO-542. No trecho há serviço para levantamento de grade e melhoria de passagem para beneficiar o setor produtivo local. “Essa é uma região que ficou esquecida por muitos anos, mais de 20, e com isso, os produtores aqui sofreram enormemente”, disse Caiado.

Leia Também:  PMGO e PCGO prendem mais que anos anteriores em Goiás apesar de déficit de profissionais

Ainda no município, o governador esteve no Colégio Estadual Alfredo Nasser, que recentemente foi reformado. Agora, o local conta com espaços bem cuidados, como cozinha e cantina preparadas para receber os alunos, que também ganharam uniformes e material didático. “O governo está oferecendo qualidade de vida às crianças e qualidade de educação e de condições de trabalho para nossas professoras e professores”, comemorou Caiado.

Estiveram presentes no evento em Santa Rita do Araguaia a subsecretária de Desenvolvimento Sustentável, Proteção Ambiental e Unidades de Conservação, Vanessa Fernanda Schmitt; o senador da República Vanderlan Cardoso; o deputado estadual Chico KGL; a diretora industrial da Hypera Pharma, Daniela Castanho; a primeira-dama do município, Valdenice Vieira; o vice-prefeito da cidade, Juraci Batista Pereira; o presidente da Câmara Municipal de Santa Rita do Araguaia, Demerval Carvalho de Freitas; os vereadores Antônio Batista, Carlito Ribeiro, Dagineide Linhares, Euclides da Silva, Manuel Severino e Naiara Barcelos.

Também compareceram a prefeita de Portelândia, Marly David Rezende Rodrigues; o prefeito de Alto Araguaia (MT), Gustavo de Melo; o vice-prefeito de Portelândia, José Alício; o vice-prefeito de Alto Araguaia, Freud Fraga; o presidente da Emater, Pedro Leonardo Rezende; o presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás (Crea Goiás), Lamartine Moreira; os benfeitores do programa Juntos Pelo Araguaia, Ana Amélia Carvalho e Joaquim Nogueira; o presidente do Instituto Espinhaço, Luiz Cláudio Oliveira e o presidente da Euca Energy, ex-senador da República Gilberto Goellner.

O evento contou ainda com a presença do comandante do 14° Comando Regional da Polícia Militar do Estado de Goiás (CRPM-GO), coronel Walter Caetano; o comandante do Destacamento da Polícia Militar, terceiro sargento Adelim Batista dos Santos; a coordenadora Regional de Educação de Mineiros, Tamara Trentin; a gerente regional de redes da Caixa Econômica Federal de Mineiros, Lucimeire Carrijo, representando a entidade na região; o coordenador regional da Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa), Sávio Carrijo; o secretário municipal de Meio Ambiente de Santa Rita do Araguaia, Vandro Lorenzi, a estudante e medalhista olímpica Gabrielle Carrijo, do Colégio Estadual Alfredo Nasser, além de representantes da Polícia Militar de Goiás e do Corpo de Bombeiros Militar de Goiás.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESTADO

Primeiro caso da variante da Covid-19 indiana é confirmado em Goiânia

Publicados

em

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Goiânia confirmou nesta sexta-feira (18) o primeiro caso da variante Delta de Covid-19 em Goiânia. Conhecida como cepa indiana ou B.1.617.2, ela foi identificada em uma paciente de 18 anos, residente na capital, que relatou não ter feito nenhuma viagem nem ter tido contato com pessoas de outros Estados ou países.

A paciente apresentou sintomas leves e não precisou ser internada. Ela é uma das participantes da pesquisa de sequenciamento genético que está mapeando as variações do Coronavírus (SARS-COV-2) em Goiás, projeto de pesquisa financiado pela Fapeg (Fundo de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás) e INCT-EECBio da Universidade Federal de Goiás (UFG).

A amostra foi detectada em um dos 62 indivíduos que integraram esta etapa da pesquisa. Imediatamente após a identificação do caso, a SMS concluiu que trata de uma transmissão comunitária.

 

Xepa

A SMS também endereçou a questão das sobras de doses das vacinas, chamada popularmente de “xepa” das vacinas. “Cada local faz uma relação das pessoas, dentro dos grupos prioritários, interessadas em tomar a vacina e, quando sobra alguma dose, elas são avisadas por telefone”, esclarece a nota.

Leia Também:  Segundo Congresso promovido pelo senador Vanderlan Cardoso reúne 28 municípios

O texto também informa que diariamente sobram “pouquíssimas doses, uma vez que a vacinação ocorre por agendamento e no caso da AstraZeneca, ela retorna para a Rede de Frio, pois o frasco pode ficar até 48 horas aberto”.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA