Plantão Policial

PM recupera motocicleta furtada no MS em Rubiataba

Ao verificar os dados do veículo, a polícia constatou que se tratava de um veículo registrado no estado de Mato Grosso do Sul furtado em 2017.

Publicados

PM recupera motocicleta furtada no MS em Rubiataba. Foto: PM

A Polícia Militar (PM) através do Comando de Policiamento Especializado (CPE), em patrulhamento na Avenida Jacarandá, no setor Serrinha em Rubiataba no Vale do São Patrício, nesta quinta-feira (23), a equipe teve êxito ao recuperar uma motocicleta Honda XRE 300 de cor vermelha. A motocicleta foi identificada durante uma consulta veicular de rotina realizada pelos militares.

Ao verificar os dados do veículo, a polícia constatou que se tratava de um veículo registrado no estado de Mato Grosso do Sul furtado em 2017. Após a constatação, uma rápida ação da PM identificou e abordou a pessoa responsável pela moto. Após ser identificada, a condutora do veículo foi conduzida, juntamente com a moto para a Delegacia de Polícia Civil local, para os procedimentos de praxe.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Empresa de transporte de cargas de Jaraguá é roubada na rodovia GO-080
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

Tesoureiro de banco é suspeito de desviar R$ 3,5 milhões para jogos virtuais

O BRB realizou denúncia após perceber irregularidades contábeis em uma das agências do DF.

Publicados

em

Um tesoureiro de uma agência do Banco de Brasília S.A. (BRB) é alvo de uma operação da Polícia Civil do Distrito Federal (PC-DF) por suspeita de desviar R$ 3,5 milhões para jogos de apostas virtuais.

Conforme informações, o BRB realizou a denúncia após perceber irregularidades contábeis em uma das agências do Distrito Federal. A PC-DF deflagrou a operação com mandados de busca e apreensão, além do bloqueio de valores das contas do investigado.

O suspeito retirava o dinheiro e depositava em sua conta pessoal e por ter acesso ao cofre e saber das operações de caixa, ele falsificava documentos para esconder os desvios da tesouraria.

O homem usava o dinheiro para jogos de apostas virtuais, indicou a investigação. A PC-DF ainda apura se outros servidores estiveram envolvidos no esquema.

Houve o bloqueio de R$ 3,5 milhões e a investigação ainda conseguiu o bloqueio judicial de valores na conta corrente, ativos financeiros, investimentos e seguros de vida no nome do servidor até o montante supostamente desviado.

Leia Também:  Após assalto em fazenda de Jaraguá, criminoso morre em troca de tiros com o GPT

O homem que não teve o nome divulgado é investigado por peculato e lavagem de dinheiro e as penas podem chegar a 22 anos de prisão.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA