Vale do São Patrício

Realizada neste domingo (19), a final do Campeonato do Veteranos em Ceres

O Café Franciscano Drogaria BioMed levou R$ 5.500,00 mais troféu pela 1ª colocação.

Publicados

Foi realizada na manhã deste domingo (19) às 09h00, a final do Campeonato dos Veteranos no Estádio José de Deus Rissati em Ceres no Vale do São Patrício. Em sua 14ª edição, foram 6 equipes que participaram sendo elas: CRV Uruana, Café Franciscano Drogaria BioMed, Café Ouro Rico Rialma, Bem Amigos de Itapaci, Goianésia Master e Rubiataba Master.

Iniciado em 24 de maio e encerrou neste domingo 19 de junho e foram realizadas 12 partidas no campeonato com 49 gols, 47 cartões amarelo com média de 3,9, um cartão vermelho, média de 0,08.

O artilheiro do campeonato foi da equipe do Goianésia Master, Nonato com 7 gols, já o goleiro menos vazado com três gols, foi da equipe do CRV Uruana, Adriano.

 

Final e premiações

A final iniciou às 09h009, sendo que o Café Franciscano Drogaria BioMed venceu o Goianésia Master, por 3 a 2, levando a premiação de 1ª colocação.

O Café Franciscano Drogaria BioMed levou R$ 5.500,00 mais troféu pela 1ª colocação, Goianésia Master na 2ª colocação levou R$ 2.500,00 mais troféu.

Leia Também:  Ceres: Feira Livre (a Feira de Sábado) acontecerá na próxima sexta-feira, 24, véspera de Natal

A 3ª colocação ficou com Bem Amigos de Itapaci, levando uma premiação de R$ 1.000,00, mais troféu e a 4ª colocação: CRV Uruana com a premiação de R$ 500,00, mais troféu.

O artilheiro do campeonato da equipe do Goianésia Master, Nonato levou R$ 250,00 mais troféu, goleiro menos vazado, da equipe do CRV Uruana, Adriano, levou 250,00 além do troféu.

 

Organização

CESP – Carlos Alberto Feitosa, Manoel Palestina, Jose Geraldo Ferreira (Zé Testão) e Mozair Jacob e sua equipe.

Apoio

Prefeitura Municipal de Ceres

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

É campeão! De virada, Atlético-GO bate o Goiás e conquista o Campeonato Goiano

O Dragão volta a mostrar superioridade sobre o rival esmeraldino e conquista o 16º título de campeão goiano ao fazer 4 a 1 no placar agregado.

Publicados

em

O Atlético-GO mostrou força e derrotou o Goiás, de virada, por 3 a 1, na Serrinha para se tornar o campeão do Goianão de 2022. Na tarde deste sábado (2), o time atleticano prevaleceu sobre o rival e chegou ao 16º título em sua história, se tornando o segundo maior campeão da competição de forma isolada.

Com a vitória dentro da Serrinha, o Atlético-GO termina a competição como o clube com mais pontos conquistados (33) e repete o que fez sobre o Goiás na última vez em que se encontraram na final. Assim como em 2019, o Dragão venceu as duas partidas sobre o rival para confirmar a superioridade na decisão e erguer o troféu.

A disputa nesta temporada também era um tira-teima entre os dois clubes, que já tinham disputado oito finais de Campeonato Goiano desde 2006. Até então, cada um tinha saído vencedor em quatro ocasiões, mas com o resultado desta tarde de sábado (2) na Serrinha o Dragão deu um passo à frente neste confronto direto.

 

Esperança esmeraldina

O técnico Glauber Ramos contou com o meia Élvis e o atacante Nicolas já no time titular. Com isso, o Goiás se mostrou uma equipe mais ofensiva e utilizava bastante o lado direito do ataque com Diego e Apodi, que se revezavam no apoio por aquele setor.

A torcida esmeraldina compareceu em grande número e apoiava a equipe a todo momento. O Atlético-GO fazia uma partida sóbria com uma marcação forte e com tentativas de saídas rápidas para o ataque, já que contava com um trio ofensivo muito móvel composto por Shaylon, Wellington Rato e Léo Pereira.

Se o Goiás não conseguia chegava com a bola rolando, o expediente da bola parada foi fundamental para o time esmeraldino igualar as condições dentro da decisão. Aos 30 minutos, o meia Élvis cobrou escanteio no primeiro poste e encontrou Nicolas, que subiu para cabecear entre o volante Gabriel Baralhas e o zagueiro Wanderson. O gol colocou Nicolas na artilharia isolada da competição.

Nicolas comemora gol que abriu o placar na Serrinha (Foto: Wesley Costa)

O Atlético-GO respondeu ainda no 1º tempo. Aos 43 minutos, Dudu foi lançado na lateral direita e progrediu em direção da área. O lateral rubro-negro acertou belo passe para Shaylon, que chegou batendo para vencer o goleiro Tadeu. Com ajuda do árbitro de vídeo, Luiz Flávio de Oliveira anulou o gol do Dragão porque Dudu foi flagrado em posição de impedimento.

Leia Também:  Jaraguá: fim de semana com prisão de foragido, acidente, violência doméstica e autoextermínio

 

Show atleticano

O Goiás voltou para o 2º tempo sem Pedro Raul, que sentiu um problema físico. Albano entrou na partida e logo no primeiro lance sofreu com Marlon Freitas. O capitão do Dragão se desvencilhou da marcação do meia e acertou um belo chute da entrada da área para vencer Tadeu e empatar a partida.

A equipe esmeraldina não teve tempo sequer de assimilar o golpe. Aos cinco minutos, Shaylon fez boa jogada pela direita e passou para Wellington Rato, que dominou com tranquilidade e bateu na saída de Tadeu. O Dragão virou o jogo e ampliou a vantagem. O time esmeraldino precisava virar novamente para levar o jogo para a disputa por pênaltis.

Mas quem estava com sede de gols mesmo era o Atlético-GO. Aos 21 minutos, o meia Shaylon invadiu a área, driblou Tadeu e deixou o goleiro esmeraldino sentado no gramado. Mesmo sem ângulo, o meia optou por finalizar e balançar as redes. Era o terceiro gol do Dragão na Serrinha e a festa já tinha começado no Estádio Antônio Accioly.

O torcedor esmeraldino que lotou a Serrinha, com o público recorde de 12.294 pagantes, começou a deixar o estádio sem perspectiva de reação da equipe em campo.

Leia Também:  Em Goianésia, homem de 59 anos é preso suspeito de se masturbar na frente de crianças

 

Ficha técnica

Local: Estádio da Serrinha, em Goiânia (GO)

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (Fifa/SP)

Assistentes: Marcelo Van Gasse (Fifa/SP) e Anderson José de Moraes Coelho (SP)

VAR: Igor Junio Benevenuto (Fifa/MG)

AVAR: Ciro Chaban Junqueira (DF)

Gols: Nicolas aos 30′ do 1º tempo (Goiás); Marlon Freitas a 1′, Wellington Rato aos 5′ e Shaylon aos 21′ do 2º tempo (Atlético-GO)

Cartões amarelos: Fellipe Bastos (Goiás); Léo Pereira, Marlon Freitas, Wanderson, Edson (Atlético-GO)

Público: 12.294 pagantes

Público: 13.211 presentes

Renda: R$ 169.345,00

Goiás: Tadeu; Diego, Da Silva, Yan Souto e Danilo Barcelos; Auremir, Fellipe Bastos (Henrique Lordelo) e Élvis; Nicolas (Maguinho), Pedro Raul (Albano) e Apodi (Reginaldo). Técnico: Glauber Ramos

Atlético-GO: Luan Polli; Dudu (Luan Sales), Wanderson, Edson e Arthur Henrique (Hayner); Gabriel Baralhas, Marlon Freitas e Rickson; Shaylon, Wellington Rato (Brian Montenegro) e Léo Pereira (Airton). Técnico: Umberto Louzer

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA