saídas temporárias de presos

Ronaldo Caiado defende fim das saídas temporárias de presos em feriados: “Não tem que ter”

Caiado afirma que as “saidinhas” são momentos onde as pessoas se acham no direito de voltar à prática do crime.

Publicados

Governador Ronaldo Caiado. Foto: Secom.

O governador do estado, Ronaldo Caiado (UB), durante coletiva de imprensa sobre o balanço anula da Secretaria de Segurança Pública de Goiás, afirmou ser contra as saídas temporárias de presos em feriados, as também conhecidas como “saidinhas”, permitidas pela Lei de Execução Penal.

Caiado confirmou que as últimas “saidinhas” não resultaram em um impacto nos crimes em Goiás, mas segundo ele, as ‘saidinhas’ dão chance para que os bandidos retornem às práticas que poderão ser irreversíveis. “Não tem que ter, as pessoas têm que cumprir a pena e pronto, acabou”, defendeu.

O governador destacou um caso recente que aconteceu em Minas Gerais. Um homem, de 25 anos, e que tem diversas passagens pela polícia, por crimes como tráfico de drogas, agressão e falsidade ideológica, e recebeu o benefício da saída temporária no Natal, não retornou e se tornou suspeito de outro crime. Segundo as autoridades mineiras ele seria o responsável da morte do sargento Roger Dias, baleado no último sábado (6), em Belo Horizonte.

Leia Também:  Decreto que flexibiliza posse de arma sai este mês, diz Bolsonaro

“Os fatos comprovam que são momentos onde as pessoas se acham no direito de voltar à prática do crime. Todo mundo está ali com a família e de repente vem aquele cidadão que acha que, ao ter aquela ‘saidinha’, ele pode voltar à rotina dele, de poder matar alguém ou de querer praticar um assalto”, destacou o governador.

Importante lembrar que os presos no regime semiaberto têm direito a quatro “saidinhas” por ano. Isso porque o benefício é uma forma encontrada pela Justiça para a ressocialização dos presos e a manutenção de vínculo deles com o mundo fora do sistema prisional. A autorização é concedida aos detentos que tenham cumprido ao menos um sexto da pena, no caso de primeira condenação, e um quarto, quando reincidentes.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA

Caiado celebra tradição e grandeza da Romaria de Trindade durante missa de encerramento

Após cerimônia, governador apresenta Lei que institui 1º de julho como Dia Estadual do Romeiro do Divino Pai Eterno.

Publicados

em

Em missa com presença de diversas autoridades, governador Ronaldo Caiado destaca grandiosidade da festa de Trindade. Fotos: Walter Folador e Junior Guimarães

Com o pátio e os arredores do Santuário Basílica de Trindade lotados, fiéis participaram do encerramento da Romaria do Divino Pai Eterno neste domingo (7). O governador Ronaldo Caiado, acompanhado da coordenadora Goiás Social, primeira-dama Gracinha Caiado, assistiu à missa solene conduzida pelo arcebispo de Sorocaba (SP), Dom Júlio, ocasião em que celebrou a força da tradição que já dura 184 anos: “A realização dessa festa foi uma convergência de forças da igreja, prefeitura e governo estadual. E a do ano que vem será mais bonita ainda”.

Ao fim da cerimônia, foi apresentado aos fiéis a lei sancionada recentemente por Caiado que institui o Dia Estadual do Romeiro do Divino Pai Eterno, celebrado em 1º de julho. A data foi incluída no calendário cívico, cultural e turístico de Goiás por meio de projeto de autoria do deputado estadual George Morais. De acordo com o governador, é uma forma de homenagear e reconhecer os fiéis que engrandecem o festejo. “Essa é a maior romaria ao Pai Eterno do mundo. Parabéns, povo de Deus”, disse.

Leia Também:  Itaberaí: Vice-prefeito de Itaberaí renuncia cargo por “diretrizes diferentes de sua convicção”

Em 10 dias de festa, o evento reuniu cerca de 3,5 milhões de devotos vindos de todas as partes do Brasil e até do exterior. Os fiéis passaram pela Capital da Fé de Goiás para celebrar a Festa do Divino Pai Eterno, que este ano teve como tema: “Pai Eterno, a Vós, nossa oração”. “Acima de qualquer coisa, peço todos os dias que Deus nos dê humildade para tratar as pessoas e para bem conduzir Ronaldo Caiado por esse caminho que o povo de Goiás o colocou”, disse Gracinha.

O prefeito Marden Júnior declarou que a Romaria 2024 “superou expectativas e quebrou paradigmas” ao unir as gestões municipal e estadual à igreja em prol da realização. Como resultado, é reconhecida nacionalmente e se diferencia por sua segurança, organização e limpeza. “Só temos que agradecer ao Pai Eterno essa oportunidade, e dizer que Trindade acolheu de forma muito carinhosa cada um dos seus visitantes e devotos”.

O reitor da Basílica do Divino Pai Eterno, padre Marco Aurélio, disse que os últimos dias foram de graça e transformação, e que a festa agora leva o selo da sustentabilidade, pelo apoio às práticas de preservação do planeta. Também agradeceu a parceria do Governo de Goiás. “Caiado, sua dedicação e da estrutura governamental foram essenciais para realização da romaria”, comentou. O religioso elogiou, ainda, o atendimento do Centro de Apoio ao Romeiro (CAR), logística do Estado que acolheu milhares de peregrinos com serviços gratuitos na GO-060.

Leia Também:  Governador Ronaldo Caiado anuncia novos investimentos em tecnologia para fortalecer Batalhão Rural

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA