Política

Vereadores aprovam aumento de salário para R$ 34,7mil em Formosa; Teve vereador que disse que tinha de ser R$ 300 mil; Assista

Durante a discussão do projeto em Plenário, um dos vereadores chegou a dizer que “o salário tinha que ser R$ 300 mil”. O projeto que aumentou a renumeração dos parlamentares foi votado em sessão extraordinária. A proposta recebeu o aval de 9 vereadores e 4 votos contrários.

Publicados

Um dos vereadores chegou a dizer que “o salário tinha que ser R$ 300 mil”. Foto: Reprodução

Os vereadores de Formosa, aprovaram na última terça-feira (23), o aumento do próprio salário. A renumeração mensal dos parlamentares sairá de R$ 14,9 mil para R$ 17,3, um aumento de 16,65%. Já o prefeito passará a receber R$ 34,7 mil. Durante a discussão do projeto em Plenário, um dos vereadores chegou a dizer que “o salário tinha que ser R$ 300 mil”. O projeto que aumentou a renumeração dos parlamentares foi votado em sessão extraordinária. A proposta recebeu o aval de 9 vereadores e 4 votos contrários.

Na tentativa de justificar o aumento do salário do prefeito, Hermes Ferreira (UB) disse que “as pessoas banalizam os políticos e a política”. “A mola propulsora para a pessoa se interessar por um cargo, uma profissão, é o salário”, seguiu.

“Um prefeito ganhar R$ 34 mil e achar que isso é demais? Eu não acho. Quantos trabalhadores têm a responsabilidade do mandatário do município? Por que uma pessoa tenta passar no Enem para ser médico? É para ganhar um salário-mínimo?”, questionou Hermes.

Leia Também:  Ministério Público diz que vai processar prefeitos que descumprirem regras estaduais de combate à Covid-19

Ele disse ainda que para atender “todo mundo que pede, o salário tinha que ser de R$ 300 mil”.

Já a vereadora Roberta Brito (PRD) usou a vida pessoal para justificar o aumento. “Não tenho horário para almoçar, tenho três filhas e não vi elas crescerem para cuidar da população de Formosa. Qual o dinheiro que paga isso? Às vezes, não consigo buscar minhas filhas na escola, são minhas assessoras que vão buscar.”

Por sua vez, o vereador Joelson Trovão (Agir) chorou no plenário e disse que deixou de viver para a família para viver para os outros. “Abri mão de tudo para ser só vereador. É fácil fazer política, né? Quero ver fazer. Duvido que, se cortar o salário pela metade, vai ter candidato”, disse.

Votaram a favor do aumento os vereadores: Cátia Rodrigues, Com de Paiva, Roberta Brito, Filipe Vilarins, Índio de Assis, Joelson Trovão, Hermes Costa, Mundim e Nema. Contra o aumento votaram: Delegada Fernanda, Dr. João Batista, Ciê do Sacolão e Simone Ribeiro.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA

Caiado destaca contribuição da segurança pública para crescimento econômico do Estado

Em entrevista à Record News e Record TV Goiás, governador apresenta ações realizadas no âmbito da segurança pública, políticas sociais e meio ambiente.

Publicados

em

Ronaldo Caiado diz que bons resultados da segurança pública refletem no crescimento econômico do estado. Foto: Adalberto Ruchelle

O governador Ronaldo Caiado destacou o compromisso do Governo de Goiás com a segurança pública e seu impacto na economia goiana, durante entrevista ao noticiário News 19 Horas, da Record News, na noite desta terça-feira (21). Questionado sobre a política adotada pelo Estado no enfrentamento à criminalidade, ele frisou que Goiás é o único estado brasileiro com segurança pública realmente eficaz em todos os setores.

“A parte da inteligência é fundamental. É preciso ter equipes trabalhando fortemente em informações. E nesta área estamos muito bem preparados. Avançamos e investimos muito em inteligência”, disse Caiado ao ressaltar a integração entre as diferentes forças de segurança estaduais e federais. “Esta área de inteligência, aliada à nossa capacidade operacional, deu a Goiás uma condição ímpar de segurança”, frisou.

Desde 2018, todas as modalidades de violência registraram queda no estado, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO). Os índices mostram redução nos roubos e furtos a cargas, transeuntes, residências, comércios e veículos, além do declínio de crimes contra a vida, como feminicídio e homicídios dolosos. Já o crime de roubos a bancos, conhecido como “novo cangaço”, não é registrado em Goiás desde 2023. “Não tivemos nenhum assalto a banco, nenhuma explosão a carro-forte”, relembrou o governador.

Leia Também:  Ex-governador Beto Richa é preso no Paraná

Caiado ressaltou ainda que os bons resultados da segurança pública refletem diretamente no crescimento econômico do estado. Atualmente, Goiás lidera o índice de econômico no Brasil com o maior Produto Interno Bruto (PIB) da história, de R$ 336,7 milhões em 2023, que representa um aumento de 4,4% e é quase 60% acima da média do país. “As indústrias estão muito bem, crescendo, expandindo as ofertas de empregos e qualidade de vida. Hoje, a realidade é outra em Goiás. Quando se tem segurança, a vida das pessoas fica até mais barata”, finalizou ao lembrar o quanto este cenário atrai investidores.

Ações Sociais

Ao participar do quadro Política em Debate, do telejornal Goiás Record, Ronaldo Caiado ressaltou a importância dos programas sociais para a qualificação da população em situação de extrema pobreza. “Com a qualificação, a pessoa pode se inserir no mercado de trabalho. Isso faz com que Goiás ocupe, hoje, o 1° lugar em diminuição da extrema pobreza no país”, pontuou, destacando os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), realizada em 2023, que mostraram redução de 84,5% de pessoas nesta faixa de vulnerabilidade.

“Atingir o 1° lugar entre estados que mais diminuíram a extrema pobreza no país mostra que os programas sociais estão dando certo. Eles estão trazendo as pessoas para a economia, para a emancipação, fazendo com que saiam do processo de dependência do Estado”, comemorou o gestor.

Leia Também:  Pesquisa Direct indica vitória de Caiado no 1º turno

Sobre a atuação de militares goianos no atendimento a vítimas da tragédia que assola o Rio Grande do Sul, Caiado enfatizou que os integrantes do Corpo de Bombeiros Militar (CBM-GO) e da Polícia Militar de Goiás (PMGO) permanecerão no estado gaúcho enquanto for necessário. “Enviamos imediatamente 21 bombeiros militares, cães farejadores, drones, viaturas e helicóptero. Mandamos também policiais militares e penais preparados, além de mais de 400 toneladas de mantimentos”, relatou o governador.

Outro assunto abordado foi o trabalho do Governo de Goiás para preservação da cabeceira do Rio Araguaia, na divisa de Goiás com Mato Grosso. “São 5 mil hectares onde estamos cercando as cabeceiras, recuperando as matas ciliares, combatendo as voçorocas, não deixando com que o sedimento entre no leito do rio”, pontuou.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA