Plantão Policial

Criminosos que assaltaram carro em Itapuranga, são mortos em confronto com a PM

A ocorrência teve início em Itapuranga, ocasião em que um motorista de um Hyundai IX35 foi levado juntamente com seu veículo e mantido em cárcere privado.

Publicados

Quatro criminosos morreram após confrontar com a Polícia Militar (PM) de Anápolis na madrugada deste domingo (27).  A ocorrência teve início em Itapuranga, ocasião em que um motorista de um Hyundai IX35 foi levado juntamente com seu veículo e mantido em cárcere privado.

Os criminosos fugiram sentido rodovia BR 153 para Anápolis, em Operação Conjunta da CPE e da Força Tática, descobriram o local onde o carro seria guardado em Anápolis, no bairro Granville. Os criminosos optaram por confrontar com os militares, quatro indivíduos foram baleados e mortos.

Quatro armas de fogo foram encontradas e o veículo recuperado. A vítima e proprietário do veículo Murilo Ramos de Souza continua desaparecido.

Nenhum dos homens portavam documentos, razão pela qual até o momento não foram identificados.

JORNAL DO VALE – Um jornal a serviço da nossa região, desde 1975 – www.jornaldovale.com 

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Covid-19: apesar de 10 mil novos casos, número de óbitos desacelera
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

Em Anápolis, comerciante é morto a tiros após discutir com cliente sobre preço de carteira de cigarro

A vítima Reinaldo Godói da Silva, de 51 anos, foi morto a tiros na frente do próprio comércio por ter cobrado R$ 0,25 a mais por ter vendido “fiado” e autor não teria aceitado pagar o valor maior

Publicados

em

O comerciante Reinaldo Godói da Silva, de 51 anos, foi morto a tiros na frente do próprio comércio em Anápolis. Conforme as investigações da Polícia Civil (PC), a vítima discutiu com um cliente por causa do preço de uma carteira de cigarro e foi baleada em seguida.

O homicídio aconteceu no início da noite de sábado (21), de acordo com registros policiais. O delegado de plantão, Cleiton Lobo, disse que o autor e o carro em que ele estava foram identificados e estão sendo procurados.

“Os detalhes ficarão mais claros depois das oitivas, mas a discussão começou porque o autor foi pagar uma carteira de cigarro que havia comprado lá e o comerciante cobrou dele R$ 6. O cliente disse que o preço padrão era R$ 5,75, mas o comerciante disse que, como o cliente estava devendo – havia comprado ‘fiado’ – o valor a ser cobrado seria maior”, explicou.

Conforme o delegado, a conversa toda aconteceu em frente ao comércio da vítima, com o autor sentado dentro do carro e a vítima de pé do lado de fora do veículo. Lobo completou que em certo momento da discussão, o cliente sacou uma arma e atirou algumas vezes contra a vítima.

Leia Também:  PC investiga suspeita de compra de votos por R$ 200, em Firminópolis

“A perícia ainda vai confirmar o número de disparos. A princípio, foram quatro. A vítima ficou com duas lesões no tórax, do lado direito, e morreu no local”, completou.

Quem compara lê o JORNAL DO VALE – Um jornal a serviço da nossa região, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA