Vale do São Patrício

“É a comemoração do desenvolvimento do agronegócio de Goiás”, diz Daniel Vilela em festa da melancia de Uruana

O vice-governador acompanhou o desfile, as apresentações e competições marcaram o encerramento da 44ª Festa Estadual e a 29ª Festa Nacional da Melancia.

Publicados

Daniel Vilela participa da tradicional festa da melancia, em Uruana. Fotos:

Na opinião do vice-governador Daniel Vilela, a tradicional festa da melancia, realizada na cidade de Uruana, é também uma celebração ao desenvolvimento do agronegócio no Estado. “Esse é um momento que enaltece a nossa tradição, mas também é a representação do desenvolvimento econômico dessa região, da pujança econômica do setor agrícola de Goiás”, declarou ao lembrar que no último ano a produção da fruta bateu recordes, com a colheita de 220 mil toneladas.

Ao lado governador Ronaldo Caiado, Daniel Vilela participou do último dia da 44ª Festa Estadual e 29ª Festa Nacional da Melancia. Ele pôde acompanhar o desfile, apresentações e competições que também marcam os 75 anos de Uruana. Em discurso, vice-governador exaltou a força dos produtores rurais da região. “Essa festa faz parte da tradição cultural do nosso estado, pois reverencia os nossos bons produtos e, mais uma vez, demonstra ao Brasil e a outros países a nossa capacidade de produzir muito e com qualidade”, completou.

Leia Também:  Usina Uruaçu abre novas turmas do Capacitar

O governador Ronaldo Caiado também ressaltou a relevância do setor, que passa por expansão produtiva. “Uruana é a capital da melancia porque se transformou com o prestígio que construiu através da produção da melhor melancia do Brasil. Qualquer Ceasa do Brasil tem melancia daqui, tamanha a credibilidade dos produtores”, salientou.

Os investimentos feitos pelo Governo do Estado na cidade de Uruana em prol dos moradores e, que criam um ambiente positivo de negócios para os produtores rurais, foi exaltado pelo prefeito de Uruana, Nei Canela. “Temos recebido muitos benefícios do governo estadual. Em dois anos e meio de gestão inauguramos mais de 70 obras”, disse, ao apontar que outras 43 obras ainda devem ser concluídas e entregues até o final de 2024.

O evento reuniu moradores de cidades da região, além de turistas e autoridades estaduais, entre elas o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, Bruno Peixoto, do deputado estadual Wagner Neto, e os deputados federais Daniel Agrobom e Jeferson Rodrigues.

Incentivo e auxílio

Leia Também:  Ceres: vacina contra gripe influenza H1N1 em idosos de 70 anos acontece nesta quarta-feira (19)

O evento conta com apoio do Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater), que incentiva e oferece assistência aos produtores da região com o objetivo de aumentar a qualidade dos frutos cultivados, melhorando a renda dos produtores e a economia  da região.

No estande da Emater na festa, os visitantes podem conhecer as ações e programas de assistência técnica e extensão rural que a Emater realiza junto aos produtores rurais da região. Neste domingo, foram distribuídas 600 mudas de espécies nativas do Cerrado. O evento conta ainda com concursos, desfiles e atrações musicais.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

VALE DO SÃO PATRÍCIO

Morador de Goianésia que estava desaparecido é encontrado morto

De acordo com informações extraoficiais dão conta que Adenir teria sofrido um surto psicótico no dia do seu desaparecimento.

Publicados

em

Adenir Freitas Martins tinha 43 anos. Foto: Reprodução

Adenir Freitas Martins de 43 anos, que estava desparecido desde domingo (16), foi encontrado morto nesta sexta-feira (21), em área de pastagem do Assentamento Santa Família, zona rural de Goianésia no Vale do São Patrício.

Forças de segurança foram acionadas e dirigiram até no local, no sentido de preservá-lo, para que na manhã de hoje  (22), a Polícia Técnico-Científica realizasse a perícia, uma vez que no período noturno não seria possível, até mesmo pela região de difícil acesso onde foi encontrado o corpo.

Em decorrência ao avançado estado de decomposição do corpo da vítima, não foi possível identificar a causa da morte, neste caso, para saber se houve morte violenta ou natural, deverá ser solicitado exames cadavéricos, tão logo seja liberado ao Instituto Médico Legal (IML).

De acordo com informações extraoficiais dão conta que Adenir teria sofrido um surto psicótico no dia do seu desaparecimento.

Leia Também:  Feriado: 684 mil passageiros devem passar pelos aeroportos da Infraero

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA