Plantão Policial

Em Rialma, forças policiais apreendem quase 20 kg de drogas que era transportada em ônibus; Assista

A operação culminou na apreensão de aproximadamente 18 kg de maconha e uma mulher presa.

Publicados

Em Rialma, forças policiais apreendem quase 20 kg de drogas que era transportada em ônibus. Foto: PM

As forças policiais em uma operação conjunta neste domingo (19), formada pela Polícia Militar (PM) através do Comando de Policiamento Especializado de Rialma (CPE 90) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF), através do grupo tático da DEL 07, focado em rotas interestaduais, resultou na apreensão de uma grande quantidade de drogas na rodovia BR-153, em Rialma no Vale do São Patrício.

Conforme informações da CPE, um ônibus foi abordado na saída Norte de Rialma e durante as buscas realizadas nas bagagens de passageiros, foram encontradas 23 peças de substância análoga à maconha em pertences de uma passageira.

Desta forma, a operação culminou na apreensão de aproximadamente 18 kg de maconha. Assim, as drogas apreendidas e a passageira que não teve o nome divulgado, foram encaminhadas para à Delegacia de Polícia Civil local para os procedimentos de praxe.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  PRF e PM apreendem cerca de 4 toneladas de maconha em Goiânia; Assista
Propaganda

PLANTÃO POLICIAL

PC realiza operação contra grupo suspeito de falsificar documentos para pagamentos judiciais de mais de R$ 30 milhões; Assista

Conforme a PC, estão sendo cumpridos mandados de prisão e de busca e apreensão em Goiás e em outros cinco estados da federação.

Publicados

em

PC realiza operação contra grupo suspeito de falsificar documentos para pagamentos judiciais de mais de R$ 30 milhões. Foto: PC

Na manhã desta quarta-feira (19), a Polícia Civil (PC) está cumprindo 33 mandados de prisão e 35 de busca e apreensão contra um grupo suspeito de aplicar golpes contra a administração pública, envolvendo o levantamento de alvarás de pagamentos judiciais fraudulentos. O prejuízo, segundo as investigações da PC é de R$ 31,8 milhões.

No estado de Goiás, estão sendo cumpridos mandados em Goiânia, Trindade, Aparecida, Anápolis e Anicuns. Há ainda cumprimentos nos estados da Bahia, Rio de Janeiro, Tocantins, Maranhão e Pará.

Primeira fase da operação

Na primeira fase da operação denominada “Alvará Criminoso”, que foi deflagrada em novembro de 2022, a PC já havia cumprido 27 mandados de busca e apreensão e 12 mandados de prisão preventiva. Na ocasião, os investigadores apuraram que o grupo tinha como modo de agir a falsificação de alvarás judiciais.

Leia Também:  Ceres: Filha é suspeita de agressão contra a mãe

Conforme a PC, advogados cediam acesso ao sistema do Tribunal de Justiça e assinavam os documentos como se fossem juízes. Com os alvarás fraudulentos em mãos, outros integrantes do grupo levantavam os respectivos valores que se encontravam depositados nas contas judiciais.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA