Ministério Público

Prefeito de Rialma compromete-se com o MP a regulamentar apreensão de animais de grandes de portes soltos em vias públicas da cidade

As medidas deverão ser apresentadas à Promotoria de Justiça de Rialma até o dia 10 deste mês

Publicados

Durante reunião virtual realizada nesta segunda-feira (3) pelo Ministerio Público de Goiás (MP-GO), o prefeito de Rialma, Frederico Vidigal, comprometeu-se a apresentar medidas para regulamentar a apreensão, o depósito e a destinação de animais de grande porte (equinos e bovinos) que estejam soltos em vias públicas ou ocupando áreas de proteção ambiental e imóveis públicos. As medidas deverão ser apresentadas à Promotoria de Justiça de Rialma até o dia 10 deste mês.

Na reunião, o promotor de Justiça Wessel Teles de Oliveira argumentou que a presença dos animais soltos nas vias públicas, em áreas de proteção ambiental e em imóveis públicos tem colocado em risco o meio ambiente, a integralidade física da população e o patrimônio público. “A questão merece atenção da administração pública. Tornou-se comum encontrar cavalos e outros animais de grande porte em meio à principal rodovia que transpassa Rialma, causando risco à integridade física de toda população. Além disso, alguns indivíduos têm utilizado áreas de preservação permanente em imóveis públicos como área de pastagem, impedindo sua plena regeneração”, afirmou o promotor.

Leia Também:  Administração de Ceres prorroga prazos para pagamento de impostos municipais

Desse modo, foi solicitado que o Poder Executivo de Rialma apresentasse projeto de lei tendo por objetivo a regulamentação da apreensão, depósito e destinação desses animais como forma de coibir as condutas dos seus proprietários. Uma proposta é que os animais apreendidos possam ser custodiados por um período máximo de dois dias e, em seguida, doados em favor de interessados previamente cadastrados pela Secretaria de Meio Ambiente.

Com a sinalização positiva dada pelo prefeito, o promotor apresentou um modelo de legislação que poderá ser utilizado como exemplo para o texto do projeto de lei de Rialma (Lei Municipal nº 8.545/2014, da cidade de Presidente Prudente, no Estado de São Paulo). Participou também do encontro on-line o secretário de Meio Ambiente, Marcos Julberto Mendes, e o procurador do município, Samuel Balduíno

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESTADO

JORNAL DO VALE completa 46 anos de fundação

Publicados

em

No dia 10 de maio de 1975, circulou em Ceres e em toda região do Vale do vale do São Patrício, a primeira edição do JORNAL DO VALE, ou seja, a edição de número 01.

Com o passar do tempo, nesses 46 anos de sua fundação, o JORNAL DO VALE se tornou um veículo de comunicação de maior credibilidade e respeitado da Região do Vale. Pois, o mesmo, sempre se pautou em levar a informação verdadeira e honesta, conquistando a confiança de seus leitores.

Hoje, sem dúvida, o JORNAL DO VALE está consolidado como um dos meios de comunicação mais importantes do interior de Goiás, pois, é um jornal sério e imparcial, que ao longo desses anos de sua existência, sempre se pautou pela divulgação da verdade e na defesa das causas da população da nossa região, de Goiás e do Brasil. A função de um jornal, é a de defender os interesses do povo, e isso, o JORNAL DO VALE tem feito com muito afinco.

Para ilustrar essa matéria, estamos publicando a capa da primeira edição do JORNAL DO VALE que circulou há 46 anos atrás, ou seja, em 1975. Waldir Marques

 

Leia Também:  Em Goianésia, show da dupla Max e Luan no réveillon tem aglomeração e pessoas sem máscara

Nota da redação

Em decorrência dessa maldita pandemia provocada pelo coronavírus, que assolou o mundo inteiro, a edição impressa do JORNAL DO VALE deixou de circular. Mas, o leitor, pode ficar bem informado, acessando o jornal via online. Basta você clicar – www.jornaldovale.com

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA