Presos integrantes de clínica de recuperação suspeitos de sequestro

Publicados


Os Policiais Civis de Goianira e Inhumas prenderam, em flagrante, cinco indivíduos ligados à Clínica de Recuperação Vivaz, localizada na cidade, por crime de cárcere privado, na quinta (15). Os investigadores de Inhumas estavam na rodovia GO-070, quando suspeitaram do veículo usado no crime, que passou em alta velocidade.

Conforme a polícia, ao na abordagem, foram detidos três autores que haviam acabado de buscar a vítima (de 63 anos de idade) em Goiânia e que estava sendo internada contra a vontade dela.

“Através de diligências complementares foram capturados um auxiliar de coordenação e o administrador do estabelecimento. Apurou-se que os presos, com exceção do administrador, são ex-internos e um deles é interno do local, ainda em tratamento, mas mesmo assim, participou da busca e transporte do idoso”, relatou a assessoria de imprensa da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

O veículo usado não era caracterizado, nem adaptado para ambulância e pertenceria ao empregador de um dos presos, que é ex-interno. Ele estava com o veículo emprestado e disse que estava apenas fazendo um favor quando foi ajudar na internação.

Leia Também:  Ceres: PC realiza prisão de homem condenado por estupro de vulnerável

“Os autores não possuem registros profissionais na área de saúde ou social e três deles possuem antecedentes criminais por tráfico, posse e uso de drogas, furto, roubo, ato obsceno, desacato e violência doméstica. Afirmaram que não têm vínculo empregatício com a clínica e trabalham como voluntários. A vítima estava sendo internada sem decisão judicial ou médica”, contou a SSP.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Acidente

Colisão entre motocicleta e carreta mata uma pessoa na BR-153, em Anápolis; Assista

Populares que presenciaram o acidente anotaram os dados da carreta e comunicaram com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar (PM).

Publicados

em

Um grave acidente ocorrido na noite deste sábado (21) resultou na morte de um rapaz de 24 anos, na BR-153, Km 438, em Anápolis.

Conforme levantamentos preliminares, a carreta seguia de Catalão com destino a Niquelândia, carregada com adubo, no momento que o motorista realizava uma conversão debaixo da BR-153 para acessar a BR-414, ocorreu uma colisão lateral entre os veículos e o caminhão acabou passando em cima da motocicleta e do corpo do motociclista. No entanto, o caminhoneiro não parou e continuou a viagem.

Populares que presenciaram o acidente anotaram os dados da carreta e comunicaram com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar (PM).

Pouco tempo depois, o caminhoneiro foi parado a cerca de 20 km do local do acidente pela PM, no Distrito de Planalmira, e negou que havia se envolvido em acidente.

Com odor etílico e voz arrastada, ele foi submetido ao teste de etilômetro e foi reprovado com teor alcoólico de 0.60 mg/l. O motorista de 52 anos não teve a identidade divulgada, foi preso e foi encaminhado para a Central de Flagrantes em Anápolis, a carreta foi apreendida e foi levada para a Unidade Operacional da PRF.

JORNAL DO VALE – Muito mais que um jornal, desde 1975 – www.jornaldovale.com

Siga nosso Instagram – @jornaldovale_ceres

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a redação do JORNAL DO VALE, através do WhatsApp (62) 98504-9192

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em Goianésia, homem agride a companheira com golpes de capacete e chutes
Continue lendo

VALE SÃO PATRÍCIO

PLANTÃO POLICIAL

ACIDENTE

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA